Você sente dor com frequência, sensibilidade ou, talvez, percebeu que seu dente está mais escuro que o normal? Esses sintomas não negam que você ganhou uma cárie. Mesmo após tantos alertas do seu dentista, essa bactéria se instalou no seu dente e formou, ali, uma lesão. E agora, o que fazer? A dentista Rhianna Barreto conta que existem dois tipos de doenças e o mais grave precisa de tratamento diferenciado. Descubra como cuidar do problema e recuperar o seu dente.

Conheça a cárie dentária mais perigosa

De acordo com a profissional, existem dois tipos de lesões cariogênicas: a aguda e a crônica. “O primeiro caso progride rapidamente, com efeito de cura ou de mecanismos defensivos relativamente pequenos. A segunda é caracterizada por progressão lenta, com muitos sinais de mecanismos de defesa”. As agudas são aquelas que devemos ter mais cuidado, pois a bactéria entra em contato com a polpa do dente, podendo causar uma pulpite - inflamação na região nervosa do elemento.

Existe tratamento para este caso

Mesmo a situação sendo grave, não se desespere, é possível tratar da doença, mas isso requer um pouco mais de atenção. “No caso de lesões agudas, é necessário realizar o tratamento de canal, além do procedimento de retirada da cárie”. De qualquer maneira, cada caso é único e a decisão do tratamento deve ser feita pelo dentista através de uma anamnese com exame clínico e radiográfico do dente. Diante disso, o cirurgião-dentista vai avaliar a melhor opção terapêutica para cuidar da doença.

Seu dente pode ser salvo

Na maioria dos casos, a resposta ao tratamento é muito positiva. Rhianna explica que mesmo quando já existe uma inflamação no local, há possibilidade de recuperar o dente. “Além do tratamento da cárie com diversos materiais restauradores, também podem ser utilizados materiais para reabilitação, como blocos e coroas, quando já há uma destruição extensa causada pela doença”. O ideal é sempre tentar recuperar o dente da melhor maneira possível, restabelecendo estética, função e evitando sua retirada.

Não deixe de cuidar do seu sorriso

O melhor jeito de evitar a cárie ou qualquer outra doença bucal é com a higiene. Tirar dois minutinhos do seu dia após cada refeição faz toda diferença para a saúde do seu sorriso. Começando este momento com o fio dental, seguindo com a escova mais creme e terminando com o enxaguante, é possível manter distância das bactérias perigosas.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Rhianna Barreto - Cirurgiã-Dentista
Rio de Janeiro - RJ
CRO-RJ:37448