Ter uma gengiva bem rosada é sinal de saúde. Para alcançar esse objetivo é importante cuidar muito bem de todo o universo bucal, incluindo dentes e língua. Tudo está interligado e se uma parte sofre um problema, as chances das outras serem atingidas são muito grandes. Praticar uma escovação suave e usar o fio dental, são alguns dos métodos mais simples e que dão super certo para uma boa saúde bucal. Para você ficar expert neste assunto, a ortodontista Andréia Cotrim vai tirar todas as dúvidas sobre gengiva no quadro Pergunte ao Dentista.

Quais os problemas mais comuns de gengiva?

É essencial saber que toda complicação que surge na gengiva se inicia pela má escovação. Quando isso acontece, a placa bacteriana acumula e vai progredindo até que chegar a um ponto em que seu universo bucal fica tomado por vários tipos de problemas gengivais. A primeira doença é a gengivite. "A placa progride até alcançar a gengiva e inflama aquela região, causando sangramento e dor", explica.

Se este primeiro estágio não for tratado, o paciente pode sofrer com a periodontite, que é um problema muito mais sério. "Como a sujeira abaixo da gengiva não foi retirada, a inflamação começa a afetar o osso". Outro incômodo que acontece nessa região é a retração gengival em que uma das causas é a escovação bruta. Mas não se preocupe, pois Andréia conta que evitar isso é bem simples. "Só precisa ter a escova correta e fazer movimentos suaves".

Como evitar os problemas gengivais?

Manter a boca saudável e longe de problemas está longe de ser uma tarefa impossível. Todos podem com dedicação e carinho. "Basta escovar os dentes, passar o fio dental e manter sempre sua boca limpa". Não esqueça que para surtir efeito, o mais importante é praticar a higiene bucal após as refeições, respeitando sempre aquele famoso intervalo de 30 minutos. Andréia também atenta sobre o uso frequente do fio dental. "Só ele consegue tirar os resíduos daquelas regiões em que a escova não alcança". E não deixe de trocar a escova de dente a cada três meses. Seguindo essas dicas, seu sorriso ficará muito mais poderoso.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Andréia Cotrim Ferreira - Ortodontista
São Paulo - SP
CRO-SP: 39000