Quando seu filho nasceu, você certamente pensou tudo nos mínimos detalhes. A decoração do quarto, o enxoval, um bom plano de saúde. São cuidados que toda mãe tem e que fazem uma diferença danada na vida dos pequenos. Contudo, talvez você nunca parou para se preocupar tanto com a escova de dentes que ele usaria assim que surgissem os primeiros dentinhos. É bem verdade que a criança sempre é atraída pelo modelo mais divertido ou colorido, mas nem sempre isso indica a escova ideal. O Sorrisologia, então, trouxe dicas de como escolher a melhor opção para ele.

Qual escova de dentes é a ideal para o pequeno?

Seguir os cuidados durante a infância garantem um melhor desenvolvimento para o pequeno. Para passar longe dos problemas bucais, o momento de higienização é fundamental na rotina da criança e deve ser acompanhado pelos pais até que eles tenham autonomia para realizarem sozinhos. E, para isso, você deve contar com a escova de dentes correta. Existe uma linha especialmente desenvolvida para eles que proporcionam a praticidade que eles precisam e higiene adequada. As escovas de dentes para crianças têm a cabeça com bordas protetoras, para não machucar a gengiva, e cerdas macias, que são as indicadas para limpeza a boca do pequeno.

Elas ainda contam com ilustrações e cores diferenciadas para estimular a criança nesse momento. Além disso, os modelos das escovas são específicos para cada faixa etária, pois o tamanho da cabeça vai aumentando conforme a erupção de mais dentes. “Esses dentinhos começam a aparecer por volta dos 6 meses”, explica Vânia Cortes. Vale destacar que, diferente dos modelos de adulto, a troca deve ser feita mensalmente, ou quando as cerdas estiverem abertas.

A escova elétrica é uma opção?

Aprender a escovar os dentes é fundamental. Para essa tarefa, a participação dos pais e as dicas do odontopediatra são muito importantes. É comum que os pais nem pensem nessa possibilidade, mas a escova elétrica também é uma opção. Posicionando o item corretamente e com a pressão certa, é possível ter uma limpeza mais eficaz, reduzindo a placa bacteriana.

A odontopediatra Simone Bastos destaca o papel do item em manter a higiene bucal da criança, principalmente quando ela começa a fazer a atividade sozinha. “Além de motivar a criança a fazer a sua limpeza dentária, a escova de dente elétrica diminui a força da escovação”, comenta ela. Em casos de filhos ainda muito pequenos, a elétrica não é a melhor opção, pois é mais difícil para ele lidar com o produto. Por isso, converse com o profissional e siga as recomendações.

Ajude seu filho a escovar os dentes corretamente

É comum que crianças queiram imitar os hábitos e atividades do adultos. Por isso, nada como aproveitar esse momento para passar os ensinamentos de saúde bucal. Transformando em uma etapa divertida, os pais podem auxiliar os pequenos a aprender a escovar os dentes. “Ao ensinar desde cedo os hábitos de higiene bucal, eles se tornam mais fáceis de pertencer à rotina da criança e assim perdurar até a fase adulta”, destaca a dentista Amanda de Souza Mattos. Para isso, ensine o pequeno a ter o hábito de fazer a escovação três vezes ao dia, com movimentos circulares, e o usar o creme dental com flúor. E não deixar de usar o fio dental.

Vânia Cortes
CRO PR 14.282

Simone Rocha de Moraes Bastos
CRO-RJ: 40813

Amanda de Souza Mattos
CRO-BA: 12592