Pode não parecer, mas problemas bucais podem sim surgir durante um tratamento ortodôntico. Eles podem, inclusive, surgir em consequência de algo que esteja sendo feito errado, indicando um mau uso dos aparelhos ortodônticos. Por isso que é tão importante seguir exatamente o que o ortodontista passar. Afinal, quem quer mais problemas bucais?

Entre esses problemas, está a gengivite. Ela é um dos problemas mais comuns e muito fácil de ser diagnosticada: as gengivas ficam irritadas e inchadas, apresentando uma coloração mais avermelhada que o comum. Mas será que é possível cuidar da gengivite ao mesmo tempo em que se usa o aparelho ortodôntico? O ortodontista Djalma Faria explica tudo!

A gengivite pode atrapalhar seu tratamento?

Sim, pode! Se não devidamente cuidada, ela pode se desenvolver para uma periodontite. Essa doença representa uma infecção nas gengivas e pode ser muito grave, já que as danifica e destrói os ossos do maxilar. “Pacientes com problemas periodontais possuem deficiência na estrutura de suporte dos dentes (ossos e gengiva)”, explica o ortodontista. Por isso que, às vezes, é preciso recorrer ao extremo e retirar o aparelho ortodôntico para cuidar das complicações periodontais. Por causa disso, é muito importante cuidar com bastante atenção a gengivite, que é uma fase inicial.

Como evitar que ela apareça

“A gengivite é causada pela escovação deficiente e o uso incorreto de fio ou fita dental”, alerta Djalma. Por isso é importante entender como é a forma correta de se escovar os dentes. Não se deixe cair aos descuidos, passe fio dental diariamente, limpe bem seu aparelho ortodôntico e faça a limpeza profissional de 6 em 6 meses. Uma dica: mantenha uma escova e uma pasta de dente separados na sua bolsa ou mochila, assim, depois das refeições, você pode escovar seus dentes aonde estiver. Mas não se esqueça de esperar 30 minutos após as refeições!

Dá para tratar a gengivite e continuar com o aparelho?

Com certeza! “Limpezas e profilaxias a cada 3 meses são necessárias para enfrentar tal problema, além de correta higienização por parte do paciente”, indica Djalma como o tratamento adequado. Procure manter uma boa saúde bucal, ou seja, escove os dentes depois das refeições e antes de dormir, passe o fio dental, utilize enxaguantes bucais e mantenha a limpeza correta de seu aparelho e dos acessórios. Lembre-se que o caso não pode avançar para a periodontite. São nesses quadros que é preciso retirar o aparelho ortodôntico.

Quais outros problemas bucais posso apresentar?

Durante o tratamento, é possível que lesões causadas pelas bandas ou pelo arco apareçam. Isso acontece quando há uma pontinha em uma delas, o que acaba pressionando a gengiva ou o doente. É um incômodo que pode causar muita dor e ainda complicações futuras. Djalma aconselha ir imediatamente ao consultório resolver o problema.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Djalma Faria - Ortodontista e Especialista em Visagismo Facial
Campinas - SP
CRO-SP: 59104