Ele é um problema no sorriso de muita gente. Costuma ter a coloração amarelada e quando gruda no seu dente, só um dentista pode retirá-lo para não causar problemas mais graves. Se você acompanha o Sorrisologia, deve saber muito bem de qual vilão estamos falando."O tártaro ou cálculo dental é um depósito bacteriano calcificado que pode favorecer um maior acúmulo de placa bacteriana", explica o periodontista Leonardo Costa. Junto com ele, algumas complicações podem aparecer. Descubra quais são e previna-se.

A gengivite

Dependendo da quantidade acumulada de tártaro, ele pode crescer, alcançar a sua gengiva e causar uma gengivite. "Ela fica mais sensível e pode ocorrer sangramento espontâneo ou estimulado como escovação, uso do fio dental ou sondagem da área". Se a placa bacteriana não estiver calcificada, uma higiene boa e frequente resolve o problema. Mas caso a limpeza tradicional não adiante, Leonardo indica a solução. "Profilaxia e raspagem do tártaro supragengival, se ele existir, realizadas pelo dentistas".

Doença periodontal

Esse inimigo amarelado também causa uma doença perigosa evoluída da gengivite: a periodontite. Se a inflamação da gengiva não for tratada e a higiene bucal continuar sendo feita de maneira errada e incompleta, esse problema pode aparecer. "Os tecidos ficam menos resistentes, ocorre a perda da inserção gengival e do osso alveolar, podendo ter mobilidade dental, recessão gengival e supuração". Este caso só um dentista pode resolver. "Com raspagem e alisamento radicular e controle de placa rigoroso por parte do paciente, pois se não tratada pode levar a perda dental".

Gengivite + Periodontite= Mau hálito

Como se já não bastasse tomar conta dos seus dentes, o tártaro e os problemas ocasionados por ele podem resultar naquele cheirinho ruim na boca. "O acúmulo de placa decorrentes de uma higiene oral insatisfatória e doenças gengivas podem causar a halitose", explica o dentista. Mas veja esse sinal como um alerta que sua boca está tentando passar. Se você não comeu nenhuma pizza de alho ou um sanduíche bem temperado, esse mau odor só pode significar problema. Quando perceber isso, não pense duas vezes na hora de procurar seu dentista.

Como se prevenir?

Para manter a sua boca bem distante desses problemas, Leonardo dá a dica. "O paciente deve ter uma correta higiene oral pelo menos três vezes ao dia, usando fio, escova e creme dental". Não esqueça de procurar seu dentista para que ele realize regularmente a raspagem do tártaro e polimento dental. Tomando essas atitudes, sorrir pra vida com saúde fará parte da sua rotina.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Leonardo Costa - Periodontia
Salvador, BA
CRO-BA: 5935