Pular para o conteúdo principal
Logo Facebook Powered By Logo OralB
13.04.2018

Surgiu algum sintoma do herpes labial? Saiba como contornar a manifestação do vírus

  Antes de manifestar-se, o herpes labial apresenta alguns sintomas. Saiba como se cuidar nesse momento com as orientações da dermatologista
Antes de manifestar-se, o herpes labial apresenta alguns sintomas. Saiba como se cuidar nesse momento com as orientações da dermatologista

Expert

Dra. Paula Periquito

Dra. Paula Periquito

CRM-RJ: 52.79985-8

Medica formada pela Universidade Federal Fluminense, Membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, Mestre em Doenças infecciosas e parasitárias pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro,

Coceira, ardência ou dor local. Quem já teve herpes labial logo identifica esses sintomas e sabe que, a qualquer momento, as bolhas vão surgir. O herpes labial é uma doença que atinge grande parte da população, contudo, nem todos manifestam seu quadro. O contágio do vírus pode surgir através do contato direto, o que contribui para o número de pacientes. No entanto, ao notar esses sintomas surgindo, será que é possível impedir que as bolhas surjam? A dermatologista Dra. Paula Periquito trouxe recomendações sobre o que fazer  assim que você notar pequenas bolhas se manifestando.

Saiba o que pode influenciar o aparecimento do herpes labial

O herpes labial é um vírus que mesmo já tendo se instalado no organismo do paciente, pode ou não provocar lesões. Existem diversos fatores que influenciam para o seu aparecimento. “Nisso podemos incluir qualquer fator que cause lesão local em uma pessoa previamente contaminada pelo vírus”, explica a médica. Pode-se ressaltar, como exemplos, o calor ou frio excessivo, queimaduras e fatores químicos. Além disso, o sistema imunológico também é determinante nessa lista, já que quando está enfraquecido também contribui na manifestação do herpes labial. “É importante ressaltar que na idade adulta, em torno de 90% da população já entrou em contato com o vírus, que vai ficar latente no organismo, aguardando uma fator predisponente para causar a doença”, destaca a doutora.

É possível controlar o herpes labial ao sentir os sintomas?

Assim como afirma a dermatologista, infelizmente não há maneiras de contornar o aparecimento do herpes labial nessa fase. “Aos primeiros sintomas é possível iniciar o tratamento correto para que o episódio tenha uma duração mais curta e para que os sintomas sejam menos exuberantes”, orienta ela. Dessa maneira, fique atento aos indícios da manifestação da doença. Entres estes, vale destacar a sensação de dormência, coceira, vermelhidão e ardência na região. “Estes sintomas podem indicar que o vírus está prestes a causar a doença local”, comenta Dra. Paula.

Conheça os tratamentos para o herpes labial

Principalmente por não ter cura, o herpes labial é controlado durante suas manifestações com algumas opções de medicamentos para o tratamento, como o Aciclovir. “Eles atuam no processo de replicação viral, porém não tem o poder de eliminar o vírus do organismo, apenas fazem com que entrem em fase de ‘adormecimento”, explica a doutora. Já a substância L-lisina, por exemplo, tem como objetivo inibir a replicação do vírus, de maneira preventiva. Com essa ajuda, os pacientes que possuem herpes labial recorrentemente conseguem fazer com que as crises aconteçam em tempos mais espaçados.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Dra. Paula Periquito - Dermatologista
Rio de Janeiro - RJ
CRM-RJ: 52.79985-8


Atualizada em 27/12/2018

Mais Matérias: Herpes Labial
Herpes labial: tratamento caseiro funciona? Veja 4 opções para lidar com o problema em casa
Herpes Labial
Herpes labial: tratamento caseiro funciona? Veja 4 opções para lidar com o problema em casa
Dentre as doenças que podem atingir a boca, o  herpes labial é certamente uma das mais imprevisíveis e incômodas. Causada pelo vírus herpes simples, ela é caracterizada pelo surgimento de pequenas bolhas que possuem o aspecto de feridas e podem ser bastante dolorosas. Embora não tenha cura, o herpes...
Herpes não tem cura: dentista explica o porquê e indica os melhores remédios para aliviar as bolhas
Herpes Labial
Herpes não tem cura: dentista explica o porquê e indica os melhores remédios para...
Você descobriu que tem herpes labial e ainda não sabe como lidar com o problema? De fato, são...
com a participação de:
Rhianna Barreto
CRO-RJ:37448
Qual é o melhor remédio para herpes labial? Dentista recomenda os cuidados para controlar o vírus e não se espalhar
Herpes Labial
Qual é o melhor remédio para herpes labial? Dentista recomenda os cuidados para...
Notou a presença de bolhas pequenas e incômodas na boca? Isso pode ser um sinal de herpes labial ....
com a participação de:
Dulce Helena Cabelho Passarelli
CRO-SP: 35856
Afta nos lábios ou herpes labial: saiba como diferenciar essas duas lesões na boca
Herpes Labial
Afta nos lábios ou herpes labial: saiba como diferenciar essas duas lesões na boca
Se você já teve uma afta na boca, sabe muito bem a sensação de desconforto que...
com a participação de:
Daniele Machado
CRO-RJ 26.953
Herpes bucal x ansiedade: entenda como esses dois estão interligados e como prevenir a manifestação da doença
Herpes Labial
Herpes bucal x ansiedade: entenda como esses dois estão interligados e como prevenir a...
Você sabia que a ansiedade pode ser a causa de alguns problemas bucais? Entre eles, está a herpes ....
com a participação de:
Daniel Cohen Goldemberg
CRO-RJ: 29267
Herpes labial: o que é? Como surge? Quais são os sintomas? Qual é o melhor tratamento? Saiba tudo sobre o assunto
Herpes Labial
Herpes labial: o que é? Como surge? Quais são os sintomas? Qual é o melhor tratamento?...
Você desconfia que está com herpes labial? Olhar para o espelho e notar uma feridinha na boca pode...
com a participação de:
Dulce Helena Cabelho Passarelli
CRO-SP: 35856