Pular para o conteúdo principal
Logo Facebook Powered By Logo OralB
18.04.2019

Sorriso gengival: quais os principais tratamentos para o problema?

Você se incomoda com o seu sorriso gengival? Saiba o que fazer para melhorá-lo!

Expert

Vinícius Barçal

Vinícius Barçal

CRO-RJ: 3979-7

Graduado em Odontologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ. Especialista em Dentística e Procedimentos Restaurados Estéticos pela Universidade Federal Fluminense - UFF. Capacitado em Toxina Botulínica e Preenchedores Odontológicos, tem ampla experiência e atuação na área de Odontologia, com ênfase em Reabilitação e Estética Orofacial. Mestrado no Programa de Pós Graduação em Materiais Dentário da FOP - UNICAMP.

Ter um sorriso bonito não é apenas sinônimo de dentes brancos. Tão importante quanto os dentes, a gengiva cumpre um papel fundamental na saúde bucal. No entanto, muitas vezes ela fica mais exposta do que o normal, gerando o famoso sorriso gengival. Mas quais serão os tratamentos para esse problema? Pensando nisso, o Sorrisologia conversou com o odontólogo e especialista em estética, Vinícius Barçal, e ele explicou um pouco mais sobre esse quadro. Confira!

Entenda o que caracteriza um sorriso gengival

Segundo Vinícius, o sorriso gengival é caracterizado pelo excesso de gengiva, que, ao sorrir, acomete as arcadas superiores e inferiores (juntas ou não). O odontologista explica que, quando sorrimos, deve haver um equilíbrio harmônico entre os dentes, a gengiva e o lábio. Ele indica: “Pacientes que ao sorrir expõem mais do que 3 milímetros de gengiva, já podem ser incluídos no grupo de indivíduos que apresentam essa desordem estética”. Além disso, Vinícius conta também que, em casos mais graves, o sorriso gengival pode levar a um ressecamento da gengiva, o que pode deixá-la mais propensa a outras desordens.

As causas para um sorriso gengival

Segundo o odontologista, as principais causas do sorriso gengival são genéticas. “Elas podem estar relacionadas a fatores musculares como a hiperatividade do músculo levantador do lábio superior e depressor do lábio inferior, fatores esqueléticos e gengivais como crescimento dos ossos maxilares e erupção passiva alterada (ERA)”, explica. Além disso, ele ressalta: “Existem outros fatores que também podem estar envolvidos, como por exemplo a hipertrofia gengival associada ao uso de aparelho ortodôntico, processos inflamatórios e ao uso de alguns medicamentos anti-epiléticos, imunossupressoras e bloqueadoras de canais de cálcio”.

Possíveis tratamentos para o sorriso gengival

Se você começou a sentir que esse incômodo está te impedindo de aproveitar os momentos bons da vida, de sorrir e se divertir, talvez seja a hora de considerar um tratamento. Afinal de contas, só você poderá medir o quanto esse problema te afeta, combinado? Para isso, o odontologista indicou: “Existem diversas formas de tratamento para o sorriso gengival, e estas, podem ser cirúrgicas ou não. Para casos em que a porção do dente apresenta um bom tamanho, mas, o fator de causa está associado à hiperatividade muscular ou desequilíbrio esquelético, uma boa opção é a toxina botulínica”, cita Vinícius ao concluir: “Ela diminui a atividade do músculo e reposiciona o lábio, mas o tratamento não é definitivo e o paciente deverá reaplicar a toxina com um dentista especializado periodicamente”.

Já entre os tratamentos cirúrgicos, podemos incluir procedimentos menos invasivos, que visam corrigir o tamanho da coroa do dente como a Gengivoplastia e a Gengivectomia, que são as cirurgias periodontais. “A gengivoplastia visa corrigir apenas por razões estéticas o contorno e o tamanho dos dentes, removendo uma faixa de gengiva, casos como ERA são indicados para este tratamento. Já a gengivectomia é indicada para casos de hipertrofia gengival, e podem envolver a remoção de uma faixa de gengiva ou ser associada a remoção óssea também”, explica Vinícius, que ressalta: “Hoje em dia, a tecnologia permite a realização destes procedimentos com bisturi a laser, além da aplicação de laser específicos para uma melhor cicatrização, o que gera um pós-operatório sem grandes incômodos”.

Outras cirurgias que podem ser aliadas contra o sorriso gengival

Além das cirurgias específicas para a gengiva, como a gengivolplastia e a gengivectomia, pode-se realizar outras técnicas para corrigir o sorriso gengival, como as cirurgias periodontais definitivas. Porém, são mais invasivas e requerem um pós-operatório mais cuidadoso. “ A cirurgia ortognática, por exemplo, visa reposicionar os maxilares em relação a base do crânio, proporcionando uma estética do sorriso melhor e um correto encaixe da mordida”, explica Vinícius. Além disso, a cirurgia de reposicionamento labial também pode ser uma boa solução: “Ela removerá uma faixa de mucosa acima da gengiva, encurtando a mucosa que reveste a parte interna dos lábios. Desta forma, o lábio se aproximará da gengiva e dos dentes”, finaliza.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Vinícius Barçal - Odontólogo e Especialista em Estética

Rio de Janeiro - RJ
CRO-RJ: 3979-7

 

Mais Matérias: Antes e depois
Antes e depois da fluorose dentária: conheça todas as opções de tratamento para remover as manchas brancas dos dentes
Antes e depois
Antes e depois da fluorose dentária: conheça todas as opções de tratamento para remover...
Manchas nos dentes são características que causam bastante incômodo . Além de ser um...
com a participação de:
Uila Ramos da Silva
CRO-PE 10.380
Aparelho invisível: confira o antes e depois desse tratamento para quem tem dentes levemente tortos
Antes e depois
Aparelho invisível: confira o antes e depois desse tratamento para quem tem dentes levemente tortos
O aparelho invisível é o sonho de todo paciente ortodôntico!  Embora tenha muitos benefícios, esse apetrecho não é indicado para todos os casos de ortodontia, apenas para aquelas pessoas que possuem dentes levemente tortos e desalinhados. Mesmo assim, vale muito a pena investir nesse tipo de aparelho e vamos...
Antes e depois da profilaxia: veja como a limpeza do dentista faz toda a diferença no seu sorriso
Antes e depois
Antes e depois da profilaxia: veja como a limpeza do dentista faz toda a diferença no...
Já ouviu falar em profilaxia? O procedimento técnico é feito no consultório do...
com a participação de:
Joaquina Santos Diniz
CROSP 115.367
Antes e depois da higiene bucal: veja o que a limpeza feita em casa todos os dias pode fazer pela saúde dos seus dentes
Antes e depois
Antes e depois da higiene bucal: veja o que a limpeza feita em casa todos os dias pode fazer pela...
O que significa a higiene bucal para você? Para muitas pessoas, esse ritual resume-se apenas a uma obrigação chata que deve ser feita após às refeições. Mas, na verdade, a limpeza dos dentes e tecidos funciona como uma ferramenta de proteção e tratamento contra todas as doenças e...
Facetas dentárias: uma alternativa para o seu sorriso! Confira o antes e depois do tratamento
Antes e depois
Facetas dentárias: uma alternativa para o seu sorriso! Confira o antes e depois do tratamento
Uma grande tentação dos últimos tempos são os procedimentos estéticos que prometem deixar o seu sorriso ainda mais bonito. Afinal, quem não sonha em sorrir com a certeza de que seus dentes estão do jeito que você sempre quis? Pois saiba que as facetas dentárias são uma alternativa que...
Tratamento para sorriso gengival com toxina botulínica: como fica o resultado
Antes e depois
Tratamento para sorriso gengival com toxina botulínica: como fica o resultado
Quando você sorri acaba mostrando mais gengiva do que os dentes ? Se a resposta for sim, tudo indica que você tem um sorriso gengival. Esse incômodo bucal surge por fatores genéticos e acaba causando um tremendo desconforto estético, principalmente na hora de dar aquela boa risada. Entretanto, é possível...