Pular para o conteúdo principal
Logo Facebook Powered By Logo OralB
03.01.2017

Sorriso gengival: a cirurgia pode ser a solução para retirar o excesso de gengiva

 Você acha que tem gengiva demais no seu sorriso? A gengivectomia pode ser o melhor procedimento para retirar o excesso desse tecido. Saiba mais nas palavras do especialista Johnathan Marcondes
Você acha que tem gengiva demais no seu sorriso? A gengivectomia pode ser o melhor procedimento para retirar o excesso desse tecido. Saiba mais nas palavras do especialista Johnathan Marcondes

Expert

Johnathan Marcondes

Johnathan Marcondes

CRO-PA: 4456

Cirurgião-Dentista formado pela Unioeste ( Universidade Estadual do Oeste do Paraná) em 2005- pós graduado em lentes de contato dental e facetas de porcelana. Aplicação de toxina botulina (Botox), preenchimento facial com ácido hialurônico, cirurgia de Bichectomia. Prótese - Odontologia Estética - Odontologia Digital. Membro da SBOE - Sociedade Brasileira de Odontologia Estética. Membro da IFED- International Federation Esthetic Dentistry Proprietário da Clínica Top Dente.

Para tudo tem um jeito. Se há alguma característica em seu sorriso que te incomoda, é melhor conversar com um dentista para resolver o problema. Muita gente não gosta de ter um sorriso gengival, por exemplo. Neste caso, existem algumas formas de acabar com esse excesso de mucosa. Uma delas é a gengivectomia, a cirurgia de redução gengival. Segundo o especialista em Dentística Johnathan Marcondes, o procedimento não deixa marcas ou cicatrizes e o paciente não encara grandes restrições para realizá-la.

Como é a cirurgia?

Tudo começa com a aplicação da anestesia na área a ser manipulada. Em seguida, o profissional remove com o bisturi o excesso de tecido no contorno dos dentes. “O procedimento não é doloroso, mas podemos esperar um certo desconforto durante um ou dois dias”. Johnathan garante que a gengiva não é danificada pela operação, mas o resultado de sucesso vai depender da experiência do dentista e em remover a quantidade correta da mucosa. A cirurgia não é demorada e dura de 30 minutos a 1 hora.

Depois do procedimento

Quando passamos por um procedimento cirúrgico, é preciso ter paciência até que todo local esteja cicatrizado. Com a cirurgia gengival é a mesma coisa. Neste caso, o processo de cicatrização leva cerca de um mês. No entanto, em 48 horas o paciente já pode se alimentar através de alimentos frios e de fácil mastigação, como sucos, sopas e vitaminas. Na hora da higiene, o profissional recomenda algumas medidas que vão além da escovação. “O paciente deve usar um antisséptico bucal em um cotonete e aplicar pressão de baixo para cima nas gengivas enquanto elas se restabelecem”. Nada de fazer bochechos rígidos.

Esforços físicos não são recomendados. “Neste período é importante repousar com a cabeça mais alta e, em caso de dor, tomar um analgésico receitado pelo dentista”. As atividades normais poderão ser realizadas após 72 horas, quando não haverá mais risco de um sangramento na gengiva. “Trabalhar, comer alimentos mais sólidos e beijar somente após este período”, atenta.

Quais são as vantagens?

O principal e maior benefício dessa técnica é o bem-estar do paciente. Se antes você tinha vergonha de mostrar o seu sorriso, depois da cirurgia vai se sentir mais confortável. Depois disso, existem outras vantagens, até mesmo para a saúde bucal, em realizar a cirurgia. “Eliminação de bolsas gengivais (inflamação na gengiva), o aumento da coroa dentária e ter um sorriso com aspecto normal e sem cicatrizes na mucosa”. Se você passa pelo mesmo problema, o que acha de conversar com seu dentista sobre o procedimento?

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Johnathan Marcondes - Cirurgião-Dentista
Parauapebas, PA
CRO-PA: 4456

Mais Matérias: Gengiva
Gengivite pode causar outros problemas bucais?
Gengiva
Gengivite pode causar outros problemas bucais?
A gengivite é uma doença comum que pode comprometer bastante a sua saúde bucal. Causada pelo acúmulo de placa bacteriana, a condição apresenta sintomas como gengiva inflamada, mau hálito e inchaço no tecido gengival. Quando não diagnosticada e tratada corretamente, a gengivite pode trazer...
Abscesso dental: o que pode causar esse problema?
Gengiva
Abscesso dental: o que pode causar esse problema?
O abscesso dentário é um problema bucal mais comum do que se imagina. Caracterizado como uma...
com a participação de:
Juliana Portes
CRO-RJ: 43653
Bolsa periodontal: descubra as principais causas do problema e como tratar
Gengiva
Bolsa periodontal: descubra as principais causas do problema e como tratar
Você já ouviu falar em bolsa periodontal ? Conhecida como o principal sinal da periodontite, forma...
com a participação de:
Juliana Portes
CRO-RJ: 43653
Gengivite e periodontite são a mesma coisa?
Gengiva
Gengivite e periodontite são a mesma coisa?
Atire a primeira pedra quem nunca confundiu gengivite com periodontite ou vice-versa. Caracterizadas por sintomas similares, como gengiva inflamada, inchaço e sangramento, essas doenças que atingem o tecido gengival ainda geram uma série de dúvidas entre os pacientes. Afinal, gengivite e periodontite são a mesma...
Afta na gengiva perto do dente: o que causa? Qual é o melhor remédio para tratar as bolinhas?
Gengiva
Afta na gengiva perto do dente: o que causa? Qual é o melhor remédio para tratar as...
A afta na gengiva é um problema bucal mais comum do que se imagina e que pode causar muitos incômodos...
com a participação de:
Ana Elisa da Silva
CRORS 13490
Pasta de dente para gengivite: qual é o melhor produto para tratar a inflamação na gengiva?
Gengiva
Pasta de dente para gengivite: qual é o melhor produto para tratar a inflamação na gengiva?
Só quem já sofreu com a gengivite sabe o quanto ela pode ser incômoda. Caracterizada por uma inflamação primária na gengiva, ela pode evoluir rapidamente para uma periodontite, infecção de maior gravidade , se não for tratada a tempo. Para cuidar da gengivite, a higiene bucal pode e deve...