Pular para o conteúdo principal
Logo Facebook Powered By Logo OralB
07.11.2016

Sangramento na gengiva pode ser um sinal de alerta para a saúde do seu corpo

Expert

Flávio Luposeli

Flávio Luposeli

CRO-SP:60866

Especialista em Dentística. Pós Graduação (especialização) em DTM/DOF pela Escola Paulista de Medicina. Pós Graduação em Reab Orais com Implantes na University of Houston. Responsável pelas pesquisas com Toxina Botulínica e Biomateriais no CODD / Faculdade de Odontologia da Univ. de São Paulo. Membro do Conselho Científico Mundial para Toxina Botulínica da Ipsen Beaufour, Munich - Alemanha. Professor Coordenador dos cursos de Toxina Botulínica e Preenchedores da Odonto Partners. Professor Coordenador da Residência Clínica em Estetica Orolabial da Odonto Partners. Professor Cordenador do Curso Avançado em Estética Orofacial do M.A.R.C. - Miami Anatomical Research Center / Odonto Partners - USA Professor e Palestrante Internacional Diretor Clínico da Luposeli Spa Odontológico.

O corpo humano funciona como uma máquina. Se uma "peça" apresentar algum defeito, ela pode comprometer o funcionamento de outras áreas e seu organismo dará um jeito de avisar. Por isso a importância de conhecê-lo bem. Esse aviso pode vir de várias formas e uma delas é o sangramento na gengiva. É comum relacionar este problema apenas à má higiene bucal, mas o dentista Flávio Luposeli garante que o sinal vermelho pode estar muito além de um problema nos dentes. "O sintoma pode indicar deficiência em outras áreas do organismo", diz. Entenda as possíveis causas do problema e fique mais atento aos sinais do seu corpo.

O que pode causar o sangramento?

Durante a escovação você repara que aquela espuma branca está ganhando uma cor mais viva e avermelhada. Você acredita que machucou um pouco a gengiva com a escova, ou antes, com o fio dental. Mas se este sangramento permanecer após a higiene bucal, pode ser o seu corpo tentando falar com você. "Isso também significa uma deficiência em outras áreas do organismo, a carência de vitamina K, leucemia, alterações hormonais, diabetes, queda de resistência e desordem hemorrágica", explica o profissional.

Mais do que um simples incômodo, esses pequenos ferimentos são uma porta de entrada para microrganismos perigosos, que podem atingir a corrente sanguínea e agravar doenças cardíacas ou respiratórias crônicas, segundo Flávio. Portanto, ao observar esse sintoma, é importante ficar atento e buscar ajuda de um profissional.

Não deixe que o problema se agrave

Tem gente que sabe da existência do sangramento, mas acaba não fazendo nada para controlar o transtorno. O dentista conta que alguns pacientes convivem por anos com a doença sem considerar que isso possa ser o indício de algo mais sério. "Embora, na verdade, ela seja um grande sinal de alerta de que alguma coisa não está funcionando perfeitamente bem".

Flávio diz que como os sintomas são considerados inocentes, é comum que os pacientes levem décadas até procurar uma orientação profissional. "Existem casos nos quais essa intervenção pode vir tarde demais". Você corre o risco de ter, inclusive, periodontite, que é o estágio mais avançado da gengivite, podendo levar a perda dos dentes.

Procure seu dentista o quanto antes

Se sua gengiva sangra, é importante ser observada de perto por um dentista. "Problemas na região podem significar desde o comprometimento dos dentes até doenças muito mais sérias". O especialista lembra que algumas estimativas apontam que cerca de 18% dos partos prematuros poderiam ser evitados se as mães tivessem tratado qualquer doença gengival corretamente. Lembre-se, uma gengiva saudável tem aparência rosada e precisa estar bem justa aos dentes. Se a sua não apresentar essas características, vá ao dentista e verifique se está tudo bem.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Flávio Luposeli - Especialista em Dentística
São Paulo - SP
CRO-SP:60866

Mais Matérias: Gengiva
Gengiva inchada e sensível durante o período menstrual: 3 maneiras de aliviar esses incômodos
Gengiva
Gengiva inchada e sensível durante o período menstrual: 3 maneiras de aliviar esses incômodos
A sua gengiva está inchada e bastante sensível, e esses sintomas coincidiram com o seu período menstrual? A verdade é que, esses sinais, embora pareçam muito com os da gengivite , acabam sendo bem comuns durante a menstruação, devido a alteração hormonal da mulher ao longo ou no...
O que é bom para desinflamar a gengiva? Dentista revela 7 tratamentos eficazes para gengivite
Gengiva
O que é bom para desinflamar a gengiva? Dentista revela 7 tratamentos eficazes para...
Além dos dentes, a gengiva é uma parte da arcada dentária que guarda muita sensibilidade. Esse...
com a participação de:
Uila Ramos da Silva
CRO-PE 10.380
Escaneamento intraoral: o que é? Para que serve? Conheça mais sobre essa tecnologia na odontologia
Gengiva
Escaneamento intraoral: o que é? Para que serve? Conheça mais sobre essa tecnologia na...
A tecnologia e a odontologia andam lado a lado. As novas técnicas podem ser usadas para tratar uma...
com a participação de:
Rhianna Barreto
CRO-RJ:37448
Bolha na gengiva é um sinal de gengivite? Dentista explica se há relação entre os dois problemas bucais
Gengiva
Bolha na gengiva é um sinal de gengivite? Dentista explica se há relação entre os dois...
Você notou o surgimento de uma bolha na gengiva ? Então, é importante ligar o sinal de alerta!...
com a participação de:
Uila Ramos da Silva
CRO-PE 10.380
Retração gengival: por que isso acontece? 5 motivos que podem causar esse problema
Gengiva
Retração gengival: por que isso acontece? 5 motivos que podem causar esse problema
Você tem notado que seus dentes estão mais aparentes e sua gengiva menor do que o normal? Fique atento: esses são sinais bem comuns de uma recessão ou retração gengival . Esse problema pode atingir o sorriso de muita gente, causando sensibilidade, cárie e uma aparência estética...
Gengivoplastia: você sabe o que é? Para que serve? Quem pode fazer? Quais os riscos e cuidados do procedimento?
Gengiva
Gengivoplastia: você sabe o que é? Para que serve? Quem pode fazer? Quais os riscos e cuidados do...
Você não está satisfeito com o seu sorriso por conta da gengiva que é grande e espaçosa? A boa notícia é que existem várias opções de tratamento para melhorar o sorriso gengival , uma delas é a gengivoplastia. Conhece esse procedimento odontológico? O Sorrisologia fez...