Algumas pessoas têm problemas com ronco durante à noite, e por mais que não seja a melhor situação do mundo, é possível tratar isso. Segundo o clínico geral especialista na odontologia do sono Robson Caumo, o ronco é o barulho da vibração das estruturas pela passagem do ar nas vias aéreas superiores. Por isso que quem tem o hábito de respirar pela boca costuma ser mais propenso a roncar. Pensando em formas de ajudar quem sofre com esse problema, o Sorrisologia conversou com o especialista Djalma, que trouxe algumas orientações e dicas para se livrar disso.

O ronco pode prejudicar a saúde bucal?

Roncar é algo um tanto desagradável - tanto para o paciente quanto para quem precisa lidar com ele -, mas apesar disso, o ronco em si não é prejudicial à saúde bucal. Porém, as causas que levam uma pessoa a roncar são consideradas fatores desencadeantes para outros quadros clínicos. Segundo o especialista, a respiração bucal pode provocar o ronco e ressecar as mucosas, como também é uma condição que geralmente leva à atresia palatal, que é uma porta aberta para o desenvolvimento de lesões orais.

Quem ronca com frequência precisa buscar ajuda profissional

As causas para o ronco podem ser variadas, e às vezes até o cansaço acumulado pode influenciar em um episódio isolado, mas quando eles acontecem com certa frequência, é imprescindível que o paciente procure um especialista imediatamente. “O dentista do sono e o os médicos otorrinolaringologistas são os profissionais mais capacitados para diagnosticar e tratar essas condições, juntamente com os fonoaudiólogos”, orienta Robson. Além disso, o especialista ressalta que quanto mais rápido e preciso for o diagnóstico, melhor será o prognóstico.

É possível tratar o ronco?

Segundo o dentista, o ronco é perfeitamente tratável com os aparelhos intra orais, também chamados de AIO. Entretanto, a combinação do ronco com a chamada SAOS (Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono) requer um tratamento mais específico com o auxílio de equipamentos CPAP (Continuous Positive Airway Pressure) que são os responsáveis por desobstruir as vias aéreas, facilitando a passagem do ar na região. Esse tratamento é muito eficiente principalmente em casos de apneia moderada ou grave, de acordo com o profissional.

5 dicas para se livrar do ronco

1) Mudança nos hábitos de dormir: o ambiente deve ser o mais propício possível para um bom sono - a chamada higiene do sono - (quarto escuro, ambiente silencioso, colchão confortável);
2) Perda de peso corporal, o que leva a uma diminuição da circunferência do pescoço, diminuindo o ronco;
3) Não mexer no celular por pelo menos 40 minutos antes de dormir. Estudos mostram que a luz emitida pelos smartphones alteram o sono;
4) Alimentação leve à noite: o paciente deve evitar alimentos de difícil ou demorada digestão e que contenham qualquer estimulante, como a cafeína;
5) Após o diagnóstico, é fundamental utilizar corretamente os aparatos instituídos pelos profissionais, como o CPAP e os AIO;

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Robson Caumo - Ortodontista e Especialista em DTM
Niterói - RJ
CRO-RJ: 30043