Uma semana de provas se aproximando, um dia complicado no trabalho ou um momento muito esperado na sua vida. Todo mundo já passou ou vai passar por uma situação que cause ansiedade ou estresse. Daí, muitos são estimulados, automaticamente, a um gesto de levar as mãos até a boca. Depois disso, bye bye, unhas!

Além de ser um péssimo hábito que deixa suas mãos esteticamente feias, roer as unhas pode causar muitos prejuízos para sua saúde e bem-estar como, por exemplo, danificá-las permanentemente, causar graves problemas no estômago se forem ingeridas e, até mesmo, prejudicar sua saúde bucal. Para acabar com essa mania de uma vez por todas, entenda algumas causas e soluções eficazes para dar fim a este péssimo hábito.

Descobrindo a raiz do problema

Antes de cuidar das unhas cuide de você. Na maioria dos casos o hábito de roer unhas não é só uma “mania feia”. Você sabia que pode ser um transtorno sério? Chamado de onicofagia, é um problema crônico de roer e arrancar unhas e cutículas com os dentes. Pode acontecer com qualquer faixa etária e está basicamente relacionado a desajustes emocionais.

O hábito, então, funcionaria como uma válvula de escape para distrair a atenção do que tem causado a ansiedade ou estresse. Tanto é que alguns comem chocolate e outros… roem as unhas. Desta forma, um dos passos mais importantes para eliminar este mal é descobrir as raízes do problema e tratá-las primeiro.

Relaxar e aliviar o estresse

Parar de roer as unhas é algo que depende, primeiramente, da sua vontade e empenho. Em geral, o tratamento para isso é sintomático. Tem que haver um esforço diário da pessoa para não permitir que esse hábito permaneça. Existem algumas técnicas como esmalte com gosto ruim ou medicação que pode inibir o comportamento, mas nenhum deles possuem garantias de sucesso. Por isso, é importante que a pessoa lide diretamente com o problema e busque ajuda de profissionais.

Uma vida mais equilibrada e alimentação saudável também contribui para tratar esse hábito nada legal. Com a agitação do dia a dia, às vezes, fica difícil encontrar um tempo para relaxar. Porém, é daí que surgem muitas doenças. Por mais responsável e dedicado ao trabalho que você seja, entenda que tão importante quanto isso é investir em momentos de lazer e bem-estar ao lado de quem você ama e te faz bem. Encontre algo que te dê prazer e tire alguns minutos da sua semana para fazê-lo. Pode ser desde um piquenique no parque como uma ida ao cinema. Funciona super bem!

Faça das unhas suas principais aliadas

Cuidar das unhas ajudará a ter, pelo menos, um controle sobre esse hábito. Mantenha todas aparadas e limpas, de preferência com aquele esmalte que você adora, assim é mais fácil lembrar de não roê-las e atingir o autocontrole. Mas essa dica não é só para mulheres, viu? Homens também devem ter esse cuidado, pois não se trata apenas de vaidade, mas da sua saúde e bem-estar. Invista nisso!