Pular para o conteúdo principal
Logo Facebook Powered By Logo OralB
29.08.2016

Quem tem herpes labial pode beijar? Saiba conviver com o vírus e ter uma vida normal

Expert

Ericka Aguiar

Ericka Aguiar

52.80766-4

Dermatologista - Médica graduada pela UFRJ, pós-graduada pela Policlínica Geral do Rio de Janeiro e LMU (Ludwig Maximilians University – Munique/ Alemanha, médica do Ambulatório de Dermatologia do IEDS (Instituto Estadual de Dermatologia Sanitária); CRM

Chegou o dia daquele encontro tão esperado, mas ao acordar você logo notou aquela feridinha desagradável na região dos lábios. O famoso herpes. E agora? Bem comum na população em geral, o herpes simples é causado pelo vírus conhecido cientificamente por HSV-1. Apesar de não haver cura, ter esse problema não significa que você precisa viver de forma privada. Evitar momentos como ir à praia, usar batom ou beijar não faz bem nem para saúde, muito menos para a autoestima. É possível fazer tudo isso, porém com algumas condições. A dermatologista Erika Aguiar ensina como.

Pode beijar, mas sem feridinhas

Esse vírus pode ser transmitido através do contato com a lesão ou do compartilhamento de objetos, como toalha e maquiagem. Daí você pensa: “isso quer dizer que se tenho herpes não posso beijar?”. Engano seu. Porém, o beijo só pode acontecer fora do período de infecção, como a dermatologista explica. "Deve-se evitar beijar na fase inicial até o momento de cicatrização total, quando já existe a crosta em que a transmissão já não ocorre mais".

Quando uma pessoa infectada beija outra durante o episódio de infecção, a transmissão torna-se possível. Então se isso aconteceu justo no dia do seu encontro, infelizmente, é melhor adiar. Recupere sua saúde para, então, poder beijar muito e sem o menor risco ou culpa, combinado?

Pode ir à praia, mas proteja-se do sol

Seja um dia ensolarado ou nublado, os raios UV estão sempre presentes. É preciso proteger a pele para não haver problemas, como insolação, manchinhas ou câncer. Quem tem herpes tende a sofrer com os dias mais quentes. Mas existem formas de o paciente curtir essa época do ano sem se preocupar com possíveis lesões. "Deve-se evitar a exposição ao sol, alimentar-se bem e usar um creme cicatrizante de acordo com a orientação do dermatologista", explica Erika.

Cuide-se e leve uma vida normal

Se você tem herpes e quer passar por todos esses momentos mais vezes, precisa cuidar da sua saúde e seguir todas as recomendações do dermatologista para não ter tantos episódios de feridas. Siga essas dicas:

- Adote uma alimentação saudável para manter seu sistema imunológico em alta.

- Visite seu médico sempre que for preciso para acompanhar e tratar do vírus.

- Use medicações de acordo com as dicas do profissional.

- O herpes tem afinidade pelas terminações nervosas. Então, tente não se estressar para evitar possíveis crises.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Dra.Ericka Aguiar - Dermatologista
Rio de Janeiro - RJ
CRM: 52.80766-4

Mais Matérias: Herpes Labial
Herpes bucal x ansiedade: entenda como esses dois estão interligados e como prevenir a manifestação da doença
Herpes Labial
Herpes bucal x ansiedade: entenda como esses dois estão interligados e como prevenir a...
Você sabia que a ansiedade pode ser a causa de alguns problemas bucais? Entre eles, está a herpes ....
com a participação de:
Daniel Cohen Goldemberg
CRO-RJ: 29267
Herpes labial: o que é? Como surge? Quais são os sintomas? Qual é o melhor tratamento? Saiba tudo sobre o assunto
Herpes Labial
Herpes labial: o que é? Como surge? Quais são os sintomas? Qual é o melhor tratamento?...
Você desconfia que está com herpes labial? Olhar para o espelho e notar uma feridinha na boca pode...
com a participação de:
Dulce Helena Cabelho Passarelli
CRO-SP: 35856
Início do herpes na boca: veja como identificar os primeiros sintomas
Herpes Labial
Início do herpes na boca: veja como identificar os primeiros sintomas
Você já teve herpes na boca? Essa doença é muito conhecida por seu poder de...
com a participação de:
Dulce Helena Cabelho Passarelli
CRO-SP: 35856
Herpes labial na infância pode resultar de um sistema imunológico enfraquecido
Herpes Labial
Herpes labial na infância pode resultar de um sistema imunológico enfraquecido
Uma criança com febre pode significar diversas coisas, inclusive, herpes labial . Isso mesmo! Bolhas...
com a participação de:
Vânia Côrtes
CRO PR 14.282
Gengivite estomatite herpética: conheça o quadro e saiba os riscos durante a infância
Herpes Labial
Gengivite estomatite herpética: conheça o quadro e saiba os riscos durante a infância
Os papais e as mamães de plantão sabem como deve ser o cuidado para que os pequenos não...
com a participação de:
Vânia Côrtes
CRO PR 14.282
Herpes labial e intolerância a glúten: entenda a relação
Herpes Labial
Herpes labial e intolerância a glúten: entenda a relação
Você já deve ter lido em algumas embalagens de comidas a seguinte frase: contém glúten. O...
com a participação de:
Ludimila de Gouvêa Cerqueira e Ferreira