A cárie é uma doença comum que atinge grande parte da população e, assim como qualquer outra, pode ser controlada. Quando os métodos de proteção são insuficientes para seu controle, acabamos tendo um desequilíbrio químico na cavidade bucal, e com isso é necessária a ida ao profissional de odontologia. Mas você sabia que até o estilo de vida e os hábitos alimentares são fatores que estão diretamente envolvidos no aparecimento dessa doença? Por outro, a alimentação também pode ser um aliado para sua prevenção. Conversamos com a dentista Fátima Zanin que explica a relação direta de uma boa alimentação para evitar o surgimento da cárie.

Quais são as maneiras de prevenir a cárie?

Além dos cuidados já conhecidos para prevenir a cárie, como a higiene bucal e o controle do consumo de açúcares, recomenda-se que o paciente tenha ações adicionais no consultório como diagnósticos preventivos para a detecção de cáries em estágio inicial, de maneira que elas não se desenvolvam e se transformem em lesões maiores. “É essencial beber bastante água para estimular a produção de saliva, pois funciona como proteção natural contra bactérias, neutralizando a acidez bucal e auxiliando no combate à cárie”, completa Fátima.

Alimentos conhecidos como “detergentes” são aliados na prevenção às cáries

As fibras alimentares são como uma “bucha” que esfregam e limpam a superfície dos dentes como se nosso próprio organismo fizesse uma pré- escovação. Eles são recomendados tanto pelos dentistas como pelos médicos, já que limpam desde a cavidade oral até o trato gastrointestinal.

Algumas frutas, legumes e verduras são considerados como “detergentes” para os dentes, a exemplo disso temos a maçã, melancia, cenoura, pepino, entre outros. Isto acontece porque, durante a mastigação, suas fibras limpam e previnem problemas como o mau hálito, cáries e gengivites. “Todo alimento com fibras auxilia na higiene bucal, eles são uma ótima opção para quem faz as refeições fora de casa e nem sempre pode realizar a escovação correta”, indica.

De que outras maneiras pode-se prevenir a cárie?

Diversas são as maneiras de prevenir a cárie, porém, o mais eficaz é o empenho do profissional em incentivar seu paciente com os bons hábitos de higiene, alimentação e até mesmo estilo de vida saudável. Hoje, a tecnologia permite que através do uso de luzes tipo lasers e leds auxiliem na hora de diagnosticar a doença. “Esse tratamento detecta lesões que ainda estão na fase inicial, assim podem identificar pontos escuros inocentes, mas que apresentam cáries escondidas” explica a dentista. É importante ressaltar que é indicado consultar periodicamente seu dentista para o acompanhamento da sua saúde bucal e decidir em conjunto qual melhor tratamento para o seu caso.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Fátima Zanin - Mestre em Diagnóstico com Fluorescência a Laser e doutorado em Clínicas Odontológicas na área de Cariologia
São Paulo - SP
CRO: 196.333