Você notou que seus colegas estavam te tratando de uma forma um pouco estranha. As pessoas evitaram falar com você o dia inteiro e muitos amigos já cansaram de te oferecer balas e chicletes. Tudo parecia muito esquisito, até que aquele amigo mais íntimo te deu um toque e disse que seu hálito não estava nada bom. Mas como pode você não ter notado esse mau cheiro? Existe uma explicação. Descubra com o especialista em halitose Maurício Conceição.

Por que alguém com mau hálito não percebe sua condição?

Não sentir o mau cheiro do próprio hálito é uma situação bastante comum. Isso ocorre devido a um processo fisiológico de adaptação chamado Fadiga Olfatória. “As células do nosso olfato rapidamente se acostumam a um odor, e se ele for constante, deixamos de senti-lo para assim perceber novos cheiros”, explica o profissional. Essa é uma característica universal dos seres humanos. Um exemplo fácil de perceber isso é quando você utiliza um perfume e, em poucos minutos, enquanto os amigos sempre comentam o quanto você está super cheiroso, você já deixou de reparar no aroma porque se adaptou a ele. Faz sentido, né?

Outras maneiras de perceber o problema

Se você não notar que está com mau hálito pelo cheiro, é possível perceber de outras maneiras. De acordo com Maurício existem alguns indícios, mas que não são 100% confiáveis. “A boca amarga, a presença de saburra lingual (placa esbranquiçada que se forma no fundo da língua) e o sangramento gengival são exemplos de que o mau hálito pode estar presente”, indica. De qualquer forma, é sempre bom pedir ajuda de algum amigo mais próximo para checar o odor regularmente.

Como ajudar alguém com mau hálito?

Com atitudes simples podemos ajudar um amigo que está com mau hálito. Faça perguntas simples como "comeu algo diferente hoje?", essa é uma forma bem sutil de criar uma abertura para o assunto. Outra maneira é adotar a psicologia reversa e perguntar à pessoa se você está com mau hálito. As chances dela te questionar são grandes e você vai conseguir, finalmente, falar a verdade.

O profissional também pode colaborar

O próprio dentista também pode ajudar. Através de um exame ele consegue perceber o mau cheiro e se não for relacionado a nenhuma doença, o especialista pode indicar novas técnicas de escovação. Lembre-se que a higiene bucal é a melhor forma de se combater a halitose! Existem formas bem simples de fazer isso, como escovar a língua da maneira correta ou passar o fio dental entre todos os dentes. Dessa forma fica mais fácil a pessoa tratar o problema. Mau hálito não significa apenas que você comeu alguma coisa muito temperada, o cheiro pode ser sintoma de algum problema bucal. Seja bacana e ajude uma pessoa a descobrir!