Pular para o conteúdo principal
Logo Facebook Powered By Logo OralB
24.10.2016

Por que fazer um check-up bucal?

 Descubra como um acompanhamento mais de perto pode ser o caminho para um sorriso perfeito em todos os sentidos
Descubra como um acompanhamento mais de perto pode ser o caminho para um sorriso perfeito em todos os sentidos

Expert

Fernando Luiz Tavares Vieira

Fernando Luiz Tavares Vieira

CRO-PE 2114

Doutor em Dentística Restauradora pela FOP/UPE, Mestre em Dentística e Endodontia pela UFPE, especialista em Metodologia do Ensino Superior para área da Saúde e professor adjunto IV do Departamento de Prótese e Cirurgia Buco Facial da UFPE.

Você se lembra qual foi a última vez que foi ao dentista? Talvez o consultório desse profissional não seja o mais procurado pela maioria das pessoas - principalmente daquelas que se arrepiam só de pensar no barulhinho do motor quando se sentam na cadeira -, mas, vez ou outra, um check-up bucal pode prevenir a evolução de diversos problemas no futuro. Para falar sobre a importância de agendar visitas regulares ao dentista, Dr. Fernando Luiz Tavares Vieira explica os motivos para não abandonar de vez os cuidados com o sorriso.

Não espere o problema piorar

Apesar de consultórios em geral não serem os locais preferidos dos pacientes, em algum momento, adiar a necessidade só poderá piorar a situação. Na odontologia, assim como na medicina, a prevenção é o melhor caminho para lidar com qualquer surpresa. “O check-up vai dar a oportunidade ao paciente e ao profissional de detectarem a eventual presença de doenças e tratá-las precocemente, impedindo a sua evolução”, esclarece Fernando

O que é feito na consulta

Assim como em um encontro comum com o profissional, a consulta se baseia na conversa. Fernando detalha o processo e assegura: não há motivo para medo. “O dentista, ao ouvir alguma queixa inicial, pegará informações necessárias para realizar um exame clínico mais detalhado, realizar procedimentos profiláticos e orientar o paciente sobre técnicas de escovação adequadas”. Ainda nessas consultas será possível prevenir a evolução de doenças já existentes, como eventuais cáries dentárias ainda no estágio inicial, ou outras patologias presentes na cavidade bucal. Se for para enfrentar algum processo mais delicado, tratar a situação desde o início pode tornar tudo menos doloroso.

Retornando ao consultório odontológico

Na hora de definir com que frequência se deve procurar um especialista, o bom senso é um dos parâmetros mais eficientes. De acordo com o dentista, a situação ideal é que essas visitas aconteçam a cada seis meses, contudo, se a higienização é feita de forma correta e o paciente não apresenta nenhuma queixa recente ou doença previamente instalada, os encontros podem se tornar anuais. Assim dá tempo de se preparar psicologicamente e evitar procedimentos invasivos a cada reencontro.

Mais Matérias: Saúde Bucal
A cor das ligas de aparelho fazem diferença no tratamento ortodôntico?
Saúde Bucal
A cor das ligas de aparelho fazem diferença no tratamento ortodôntico?
Quando o assunto é tratamento ortodôntico , existem algumas ferramentas que são fundamentais...
com a participação de:
Rita Ventura
CRO-RJ: 42601
Estresse pode causar bruxismo?
Saúde Bucal
Estresse pode causar bruxismo?
O bruxismo é uma doença involuntária que se caracteriza pelo ato de ranger ou apertar os...
com a participação de:
Rhianna Barreto
CRO-RJ:37448
Como saber se sua restauração dentária está alta ou baixa demais?
Saúde Bucal
Como saber se sua restauração dentária está alta ou baixa demais?
A restauração no dente é um dos procedimentos mais realizados nos consultórios odontológicos. Capaz de restabelecer a forma e função do elemento dentário, o tratamento é bastante indicado em casos de cáries, traumas e fraturas. Mas, assim como qualquer outra técnica, a...
Fio dental com mau cheiro após o uso: o que pode estar causando esse problema?
Saúde Bucal
Fio dental com mau cheiro após o uso: o que pode estar causando esse problema?
Você notou um odor ruim no fio dental depois de utilizá-lo? É importante ligar o sinal de alerta! Embora seja uma situação comum devido a produção de placa bacteriana na cavidade oral, o mau cheiro pode indicar que algo não vai bem com a sua higiene bucal - o que a longo prazo pode desencadear uma...
Brigadeiro, pudim, bem-casado... Confira a quantidade de açúcar dos doces favoritos dos brasileiros e os malefícios do excesso para a sua saúde bucal
Saúde Bucal
Brigadeiro, pudim, bem-casado... Confira a quantidade de açúcar dos doces favoritos dos...
Que o consumo excessivo de doces e guloseimas  pode provocar o início de cárie não é novidade para ninguém. Embora os açúcares sejam nutrientes importantes para o nosso corpo, o excesso desses alimentos somados à má higiene oral pode trazer uma série de problemas à sua...
Restauração dentária em bloco ou coroa? Dentista recomenda qual é a melhor
Saúde Bucal
Restauração dentária em bloco ou coroa? Dentista recomenda qual é a melhor
Dentes cariados ou fraturados podem ser recuperados através de uma  restauração...
com a participação de:
Rita Ventura
CRO-RJ: 42601