Pular para o conteúdo principal
Logo Facebook Powered By Logo OralB
24.10.2016

Por que fazer um check-up bucal?

 Descubra como um acompanhamento mais de perto pode ser o caminho para um sorriso perfeito em todos os sentidos
Descubra como um acompanhamento mais de perto pode ser o caminho para um sorriso perfeito em todos os sentidos

Expert

Fernando Luiz Tavares Vieira

Fernando Luiz Tavares Vieira

CRO-PE 2114

Doutor em Dentística Restauradora pela FOP/UPE, Mestre em Dentística e Endodontia pela UFPE, especialista em Metodologia do Ensino Superior para área da Saúde e professor adjunto IV do Departamento de Prótese e Cirurgia Buco Facial da UFPE.

Você se lembra qual foi a última vez que foi ao dentista? Talvez o consultório desse profissional não seja o mais procurado pela maioria das pessoas - principalmente daquelas que se arrepiam só de pensar no barulhinho do motor quando se sentam na cadeira -, mas, vez ou outra, um check-up bucal pode prevenir a evolução de diversos problemas no futuro. Para falar sobre a importância de agendar visitas regulares ao dentista, Dr. Fernando Luiz Tavares Vieira explica os motivos para não abandonar de vez os cuidados com o sorriso.

Não espere o problema piorar

Apesar de consultórios em geral não serem os locais preferidos dos pacientes, em algum momento, adiar a necessidade só poderá piorar a situação. Na odontologia, assim como na medicina, a prevenção é o melhor caminho para lidar com qualquer surpresa. “O check-up vai dar a oportunidade ao paciente e ao profissional de detectarem a eventual presença de doenças e tratá-las precocemente, impedindo a sua evolução”, esclarece Fernando

O que é feito na consulta

Assim como em um encontro comum com o profissional, a consulta se baseia na conversa. Fernando detalha o processo e assegura: não há motivo para medo. “O dentista, ao ouvir alguma queixa inicial, pegará informações necessárias para realizar um exame clínico mais detalhado, realizar procedimentos profiláticos e orientar o paciente sobre técnicas de escovação adequadas”. Ainda nessas consultas será possível prevenir a evolução de doenças já existentes, como eventuais cáries dentárias ainda no estágio inicial, ou outras patologias presentes na cavidade bucal. Se for para enfrentar algum processo mais delicado, tratar a situação desde o início pode tornar tudo menos doloroso.

Retornando ao consultório odontológico

Na hora de definir com que frequência se deve procurar um especialista, o bom senso é um dos parâmetros mais eficientes. De acordo com o dentista, a situação ideal é que essas visitas aconteçam a cada seis meses, contudo, se a higienização é feita de forma correta e o paciente não apresenta nenhuma queixa recente ou doença previamente instalada, os encontros podem se tornar anuais. Assim dá tempo de se preparar psicologicamente e evitar procedimentos invasivos a cada reencontro.

Mais Matérias: Saúde Bucal
Carboidratos podem prejudicar os dentes?
Saúde Bucal
Carboidratos podem prejudicar os dentes?
Se engana quem pensa que a alimentação não pode influenciar na saúde bucal . Na verdade, existem diversos alimentos que podem prejudicar os dentes e favorecer o surgimento de algumas doenças bucais, como a cárie. Nesse caso, os carboidratos tendem a ser os primeiros colocados da lista. Para entender o...
Como limpar a língua: veja os sinais de que você não está fazendo isso corretamente
Saúde Bucal
Como limpar a língua: veja os sinais de que você não está fazendo isso corretamente
Não adianta: saber como limpar a língua é fundamental para sua saúde bucal. Além de prevenir a diminuição do fluxo salivar, o cuidado ajuda a combater o surgimento de cárie, mau hálito e outros problemas bucais que podem prejudicar o seu sorriso. Embora pareça uma tarefa...
Gengivite pode causar outros problemas bucais?
Saúde Bucal
Gengivite pode causar outros problemas bucais?
A gengivite é uma doença comum que pode comprometer bastante a sua saúde bucal. Causada pelo acúmulo de placa bacteriana, a condição apresenta sintomas como gengiva inflamada, mau hálito e inchaço no tecido gengival. Quando não diagnosticada e tratada corretamente, a gengivite pode trazer...
Cáseos amigdalianos: o que são e como afetam sua saúde bucal?
Saúde Bucal
Cáseos amigdalianos: o que são e como afetam sua saúde bucal?
Você já ouviu falar em cáseos amigdalianos? Popularmente conhecido como “bolinha na garganta”, o quadro é caracterizado pelo acúmulo de restos alimentares na boca. Geralmente, eles surgem em adultos e apresentam sintomas como mau hálito , garganta inflamada e dificuldade para engolir. Embora...
Quais práticas esportivas precisam de protetor bucal?
Saúde Bucal
Quais práticas esportivas precisam de protetor bucal?
Se você tem o costume de praticar esportes, já deve ter ouvido falar sobre o protetor bucal . Como o próprio nome já indica, o equipamento é o grande responsável por preservar os seus dentes, protegendo-os de possíveis impactos durante algumas práticas esportivas. Ainda assim, é comum que...
Harmonização facial: como saber se preciso desse procedimento?
Saúde Bucal
Harmonização facial: como saber se preciso desse procedimento?
A harmonização facial tem se tornado um procedimento estético de muita procura, sendo o...
com a participação de:
Rhianna Barreto
CRO-RJ:37448