Pular para o conteúdo principal
Logo Facebook Powered By Logo OralB
06.03.2017

Os 5 erros mais comuns na hora da higiene bucal

  Pode não parecer, mas alguns detalhes sutis durante a higiene bucal fazem uma diferença gigante para a saúde da sua boca. Descubra o que pode estar deficiente na sua limpeza diária
Pode não parecer, mas alguns detalhes sutis durante a higiene bucal fazem uma diferença gigante para a saúde da sua boca. Descubra o que pode estar deficiente na sua limpeza diária

Para você, não há nada de errado com a sua higiene bucal. Você realiza este ritual três vezes ao dia e usa o creme dental mais recomendado pelo seu dentista. Mas basta uma consulta com esse profissional para descobrir que a saúde do seu sorriso não anda muito bem. O que houve? Os pequenos detalhes podem influenciar e muito na escovação. Pensando nisso, o Sorrisologia separou algumas gafes que costumam acontecer nessa limpeza e passam despercebidas. Veja e reflita para não cair mais nos mesmos erros.

1) A quantidade exagerada de creme dental

Bem diferente do que costumamos ver por aí, caprichar na quantidade de creme dental não é um sinônimo de boa higiene. O exagero deste produto pode resultar em muitos problemas, começando pelo surgimento da fluorose dentária que ocorre na infância. Por isso, é importante respeitar o limite de creme indicado pelos dentistas, que equivale a um grão de ervilha para os adultos. Lembre-se que o creme dental possui uma quantidade generosa de flúor e nós consumimos esse elemento de outras formas ao longo do dia, através da alimentação ou na própria água encanada.

2) Pular o momento do fio dental

Não é bom pular momentos da higiene, principalmente quando chega na parte do fio dental. Esse elemento é importante para prevenir cárie, o mau hálito e doenças gengivais causadas pelo acúmulo de placa bacteriana. Se você usar o fio uma vez por dia já é possível ter uma boca mais saudável. Coloque a preguiça de lado por um sorriso mais branco.

3) Não escovar a língua

Esquecer de escovar a língua é uma das principais causas do mau hálito. A saburra, aquela camada branca, é placa bacteriana acumulada que, se permanecer ali por muito tempo, pode causar outras complicações, como a xerostomia - sensação de boca seca. Tente fazer dessa escovação um hábito na sua higiene. Se tiver dúvidas sobre a forma certa de realizar a higiene dessa parte, converse com seu dentista.

4) Uma higiene bucal muito rápida

Tem dias que você está bastante atrasado para sair de casa e deixa a higiene bucal por último. O resultado é uma escovação básica e muito rápida. Se esta cena costuma se repetir, seu sorriso pode sair prejudicado. A higiene precisa durar aproximadamente dois minutos e deve ser feita até trinta minutos após às refeições. Se durar menos do que isso, você não vai limpar todos os lugares da cavidade bucal. Mais capricho e menos pressa da próxima vez.

5) Colocar força na escovação

Escovar os dentes com muita força é outro erro da higiene bucal. Com este hábito você pode ter sensibilidade dentária, retração gengival e ainda é capaz machucar outros lugares da boca. Não é preciso colocar muita pressão para fazer uma boa limpeza. As cerdas e os movimentos feitos durante a escovação que contam para o ritual ser um sucesso.

Mais Matérias: Higiene Bucal
Como limpar a língua: veja os sinais de que você não está fazendo isso corretamente
Higiene Bucal
Como limpar a língua: veja os sinais de que você não está fazendo isso corretamente
Não adianta: saber como limpar a língua é fundamental para sua saúde bucal. Além de prevenir a diminuição do fluxo salivar, o cuidado ajuda a combater o surgimento de cárie, mau hálito e outros problemas bucais que podem prejudicar o seu sorriso. Embora pareça uma tarefa...
Escova de dentes é tudo igual? Veja as diferenças entre a higiene bucal com o modelo tradicional e elétrico
Higiene Bucal
Escova de dentes é tudo igual? Veja as diferenças entre a higiene bucal com o modelo...
A escova de dentes é um acessório fundamental quando o assunto é cuidar da saúde...
com a participação de:
Uila Ramos da Silva
CRO-PE 10.380
A higiene bucal pode afetar outras partes do corpo? Entenda!
Higiene Bucal
A higiene bucal pode afetar outras partes do corpo? Entenda!
Não é novidade que cuidar da higiene bucal é o primeiro passo para garantir a saúde e...
com a participação de:
Uila Ramos da Silva
CRO-PE 10.380
Endocardite: o que é, como tratar, quais as causas?
Higiene Bucal
Endocardite: o que é, como tratar, quais as causas?
A endocardite é uma doença inflamatória que pode atingir as estruturas internas do coração. Embora seja pouco conhecido entre os pacientes, o quadro é originado pela má higiene bucal e pode afetar significativamente a qualidade de vida do paciente, trazendo danos irreversíveis para o sistema...
Língua branca é sinal de mau hálito? Descubra a relação entre os quadros!
Higiene Bucal
Língua branca é sinal de mau hálito? Descubra a relação entre os quadros!
Você tem notado sua língua branca ? É importante ligar o sinal de alerta! Isso porque o quadro...
com a participação de:
Ana Elisa da Silva
CRORS 13490
Dentes amarelados são sinal de má higienização?
Higiene Bucal
Dentes amarelados são sinal de má higienização?
É inevitável se preocupar com a presença de dentes amarelados na boca. Capaz de comprometer a estética de qualquer sorriso, a pigmentação pode estar ligada a uma série de fatores que vão desde doenças bucais, como a erosão dentária, à quadros genéticos que fogem...