Está marcado na sua agenda: consulta de manutenção do aparelho. Você até lembra que programou esse compromisso faz tempo, mas por pura preguiça ou com o surgimento de um imprevisto, precisou cancelar. Tudo bem, eventualidades acontecem, mas quando essa ausência se torna comum, quem sai prejudicado é você. O ortodontista Marcos de Borba explica que essas visitas são essenciais para fazer os ajustes no aparelho e para que o paciente tenha um tratamento de sucesso.

Por que é tão importante para o tratamento?

Antes de tudo, é importante saber como funciona um tratamento ortodôntico seguro. De acordo com Borba, o especialista em ortodontia precisa aplicar forças bem leves e gradativas durante todo o ciclo. Isso é essencial para ter uma movimentação dentária sem riscos de danos aos dentes. “É fundamental a presença do paciente nas consultas de manutenção”, explica o profissional. Este é o momento certo para trocar os arcos ortodônticos, substituir as ligaduras elásticas ou uso de molas e elásticos.

É um compromisso com a saúde do seu sorriso

Quando utilizamos os aparelhos fixos convencionais, aqueles em que o fio é preso por borrachinhas, as consultas precisam ser mensais. “É necessário, pois as borrachas tendem a degradar, perdendo a sua força”. Já os aparelhos autoligados, em que o arco é preso pelo próprio bráquete, as visitas podem ser feitas com intervalo de até 60 dias. Neste caso a força aplicada predomina por mais tempo sobre os dentes.

“A falta nas manutenções pode acarretar no atraso do tratamento, uma vez que a força deixará de ser aplicada”, reforça o profissional. Além disso, se não houver a substituição dos elásticos todo mês, os acessórios começam a degradar, ficando inchados e acumulando placa bacteriana. Nada bom para a saúde bucal.

A higiene também é fundamental

Quando se está em tratamento ortodôntico, é importante praticar todos os cuidados, desde a manutenção, passando por uma dieta saudável, até chegar a higiene bucal. Um hábito complementa o outro para manter a normalidade do aparelho e da cavidade oral do paciente. Por isso, não deixe de fazer o seu ritual de limpeza. Tenha sempre em mão as escovas ortodôntica e interdental, enxaguante e um fio dental com hastes confortáveis.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Marcos de Borba - Ortodontista
Porto Alegre - RS
CRO-RS: 12129