Você anda muito preocupado por que o seu siso ainda não nasceu? Embora pareça um pouco estranho, a falta desse dente é bem comum. Muitos dentistas até acreditam que o famoso dente do juízo pode se tornar extinto da anatomia bucal. Será possível que isso aconteça com os futuros pacientes? Convidamos a cirurgiã-dentista Lívia Prastes para desvendar sobre essa possibilidade.

Entenda a função do siso

Em primeiro lugar, é necessário entender a real função desse dente. Muita pessoas costumam associar o sorriso apenas com a questão estética. Mas, de modo geral, os dentes e a boca fazem parte do sistema digestivo e possuem o papel de partir e mastigar alimentos. O siso tem a mesma função entre eles. “Quando este dente tem espaço para nascer e consegue tocar no seu vizinho da maxila ou da mandíbula, ele ajuda na mastigação”, relata a dentista.

O dente pode ser extinto?

O sistema estomatognático (que envolve todos os músculos da mandíbula) vem se adaptando cada vez mais ao modo de alimentação do ser humano. A especialista revela que, embora não seja algo muito comprovado, essa teoria faz sentido se pensarmos que, por conta das mudanças na consistência dos alimentos, esse dente se tornou desnecessário para a mastigação. “Antigamente nos alimentávamos de comidas mais duras, como brotos, sementes e raízes, que exigiam mais trabalho por parte dos maxilares para triturá-los. Hoje em dia, a exigência é menor, pois os alimentos são cozidos e processados”, explica. Devido a essa evolução, é possível prever a extinção do quarto molar, o siso.

Em qualquer caso, fale com o seu dentista

Tanto pela falta, quanto pela presença do dente, é importante procurar um profissional para saber lidar com a situação - principalmente quando o siso vem lhe causando algum incômodo. Visitar um dentista desde a infância também é uma ótima forma de acompanhar o nascimento dos sisos. Assim fica mais fácil saber se os molares vão realmente nascer ou se haverá a necessidade de extração. 

Agora, se ficarem, precisa saber o melhor método de higienizar os sisos. Eles são os últimos dentes da arcada, por isso, têm o costume de serem esquecidos durante a escovação. Lembre-se sempre de passar a escova e o fio dental até nesses lugares mais escondidos, pois é lá que costuma acumular mais placa bacteriana. Visite seu odontologista de confiança e garanta um tratamento de sucesso.