Pular para o conteúdo principal
Logo Facebook Powered By Logo OralB
26.11.2018

Mito ou verdade: a higiene bucal deve ser modificada ao longo da vida?

  Os anos passam e as responsabilidades aumentam, assim como os cuidados diários com a saúde bucal. Entenda de que maneira sua higiene bucal deve mudar ao longo dos anos
Os anos passam e as responsabilidades aumentam, assim como os cuidados diários com a saúde bucal. Entenda de que maneira sua higiene bucal deve mudar ao longo dos anos

Expert

Luciane Franco Kraul

Luciane Franco Kraul

CRO-SP: 81340

Membro da Clínica Kraul. Graduada em Odontologia pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali), em Santa Catarina, Doutoranda em Laser na Universidade de São Paulo (USP), Mestre em materiais dentários na Universidade de São Paulo (USP), Especialista em ortodontia, pós-graduada em DTM e Professora de cursos de harmonização facial para dentistas e médicos.

Quando bebês, os pais são os responsáveis por realizarem a nossa higiene bucal. Já na infância, aprendemos a lidar com todos aqueles itens e começamos a fazer a limpeza sozinhos. E esse aprendizado fica para toda a vida, precisando ser feito todos os dias na sua rotina e, no mínimo, três vezes, após as principais refeições. Entretanto, será que não é preciso mudar nada nesse hábito? Para saber se a higiene bucal deve ser modificada no passar dos anos, conversamos com a dentista Luciane Franco Kraul.

A higiene bucal correta é um cuidado essencial

Para se manter longe de problemas bucais, não há dúvidas de que a higiene é o principal cuidado. Deixar a preguiça dominar, ou fazê-la correndo, só traz consequências para você mesmo, como incômodos com cáries, gengivite e mau hálito. Ninguém deseja isso, certo? “Seguir uma higiene bucal correta é importante e traz benefícios como, por exemplo, a manutenção da saúde bucal em geral”, explica a profissional. Se você tem dúvidas de como realizar a limpeza adequada ou quais são os itens ideais, não deixe de conversar com seu dentista e pedir orientações.

É verdade que a higiene bucal é modificada ao longo da vida?

Segundo a especialista, algumas mudanças podem ser necessárias da infância à terceira idade sobre o modo com que você cuida da higiene dos dentes e gengiva. “A higiene bucal é modificada ao longo da vida e temos alterações do tipo de bactéria e da prevalência das doenças, requisitando alterações”, comenta ela. Com o passar dos anos, nossos deveres, hábitos alimentares e até acúmulo de estresse são modificados. Esses e outros fatores podem ser destacados como responsáveis por demandar as mudanças necessária à higiene bucal, já que influenciam diretamente. “A partir da infância estamos muito propensos às cáries, devido à erupção e maturação dos dentes. Já a partir dos 30, precisamos estar mais atentos à gengiva”, exemplifica Luciane.

Não seguir a higiene bucal correta pode dar origem a diferentes problemas

Está usando todos os itens para a higiene bucal? A escova de dente, creme dental, fio dental e enxaguante bucal são os itens básicos que devem estar no seu kit. Para manter a saúde bucal em dia, você deve realizar a escovação com calma, sem força e durante aproximadamente dois minutos. Além disso, existem produtos específicos para cada idade, conforme o crescimento do paciente.

“Quem não segue uma higiene bucal correta pode sofrer como problemas bucais como cáries e gengivites da infância até uns 25-30 anos”, destaca a profissional. E ainda, no caso de quadros não tratados, como a gengivite, podem dar origem a uma periodontite, que tem como uma das consequências possíveis a perda dentária. Para completar, não deixe de manter as visitas regulares ao consultório. Dessa maneira, o dentista pode acompanhar sua saúde bucal, indicar os produtos corretos para seu caso e tratar de doenças bucais logo no início.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Luciane Franco Kraul - Especialista em ortodontia
Jardim América – SP
CRO-SP: 81340

Mais Matérias: Mitos e verdades
Clareamento dental caseiro funciona? Especialista revela técnicas que devem ser evitadas e qual é a mais segura para alcançar um sorriso branco
Mitos e verdades
Clareamento dental caseiro funciona? Especialista revela técnicas que devem ser...
Ter um sorriso branco é o objetivo de muitas pessoas. A forma mais eficaz e segura de alcançar esse...
com a participação de:
Igor Puga
CRO-RJ 28418
Gengivite: conheça os estágios da doença e como tratar
Mitos e verdades
Gengivite: conheça os estágios da doença e como tratar
Ir ao dentista e descobrir que está com gengivite não é nada agradável . A...
com a participação de:
Max de Aguiar Ferreira
CRO-RJ :27553
Tártaro eliminado com bicarbonato em apenas 5 minutos: mito ou verdade?
Mitos e verdades
Tártaro eliminado com bicarbonato em apenas 5 minutos: mito ou verdade?
Quando surge um problema a gente logo busca por solução e, na correria do dia a dia, quanto mais...
com a participação de:
Djalma Faria
CRO-SP: 59104
Mitos e verdades sobre a relação saúde bucal e alimentação
Mitos e verdades
Mitos e verdades sobre a relação saúde bucal e alimentação
Na lista dos ditados mais populares e que fazem todo o sentido podemos destacar o: “Você é aquilo que você come”. Não, isso não é apenas um comentário que você ouve dos mais velhos. A alimentação influencia diretamente na vida do paciente, especialmente nas...
Quanto mais macia melhor? Mitos e verdades sobre a escova de dente
Mitos e verdades
Quanto mais macia melhor? Mitos e verdades sobre a escova de dente
Desde pequenos, os pais ensinam que a escovação é um momento essencial da rotina , especialmente para ficar longe da visita do bichinho da cárie. A gente cresce e o hábito continua presente. No entanto, para realizar a limpeza de maneira correta, além de saber a técnica, devemos contar com a ajuda dos...
Gravidez provoca problemas periodontais? Veja mitos e verdades sobre a saúde bucal durante a gestação
Mitos e verdades
Gravidez provoca problemas periodontais? Veja mitos e verdades sobre a saúde bucal...
Quando a mulher engravida, em especial pela primeira vez, é um momento de grandes aprendizados e descobertas....
com a participação de:
Katyuscia Lurentt
CRO-RJ: 31787