A procura por opções de tratamentos estéticos tem tido um considerável crescimento nos últimos anos, inclusive, quando o assunto é saúde bucal. Ter um sorriso brilhante, alinhado e com dentes branco é um desejo de grande parte dos pacientes. Além disso, quem possui problemas de desgaste, por exemplo, também acaba recorrendo a essas opções. Um exemplo são as lentes de contato dental. “Funciona como uma capinha, as quais são coladas nas superfícies dos dentes”, explica a dentista. Ficou curioso? Com as explicações da profissional Kalina Diniz, confira mais informações sobre o procedimento e se você pode realizá-lo.

Qualquer paciente pode colocar lente de contato dental?

As lentes de contato dental são laminados de porcelana ultrafinos e exigem um desgaste dentário mínimo ou nulo. “Preservando assim o máximo a estrutura dental e trazendo resultados incríveis quanto à durabilidade, estética e naturalidade do sorriso”, ressalta Kalina.

No entanto, é preciso fazer uma avaliação para confirmar se o paciente pode ou não realizar o procedimento. “Ele não é indicado quando o dentista visualiza que o paciente não tem uma boa higiene bucal e alto risco de cáries”, exemplifica. E ainda, há outros casos, como quando há má oclusão, dentes fracos, diminuição do esmalte dental ou dentes sobrepostos.

“Recomenda-se também não pôr em crianças ou adolescentes sem que tenha terminado sua fase de crescimento facial”, indica Kalina.. No casos dos jovens, isto vale para as meninas até, aproximadamente, 16 anos e os meninos até 18.

E afinal, para que serve a lente de contato dental?

As lentes de contato podem ser indicadas para uso de diversos pacientes, como quem possui dentes com fraturas por traumas, alteração de cor, diastemas ou complemento do tratamento ortodôntico. Para completar, a dentista ressalta algumas das vantagens da colocação das lentes. O paciente conseguirá ter uma maior resistência às manchas nos dentes, o efeito é mais próximo do considerado natural e o resultado é mais rápido e duradouro.

Existem contraindicações para colocação?

Assim como outros procedimentos dentais, existem pacientes que não devem fazer a colocação das lentes. “Algumas situações contra indicam a correção de problemas estéticos com a técnica de lentes de contato dentais”, explica Kalina. Dessa maneira, a odontologista destacou exemplos desses casos:
- “Dentes acinzentados por tratamento de canal passados alguns anos”. Vale ressaltar que esses casos podem ser solucionadas com facetas laminadas de porcelana;
- “Dentes com extensas restaurações amareladas ou antigas devido aos danos potenciais à superfície dentária durante o processo de remoção desses materiais”. Como a anterior, as facetas são uma possível solução;
- “Transferência de grupos dentários em tratamento da agenesia (ausência) de incisivos laterais”;
- Casos de desgastes dentários por bruxismo. “Porque o excesso da força sobre a porcelana ultrapassa a capacidade máxima de resistência mecânica das peças”, explica ela.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Kalina Diniz - Dentística e Odontologia Estética
São Paulo - SP
CRO-SP: 110560