Produto Relacionado:

Implante dentário. Esse é o assunto que você mais procura saber após a perda recente de um dente. Sua maior vontade é colocar esse tipo de prótese para voltar a sorrir e evitar problemas bucais que podem surgir com a falta deste elemento. Mas será que qualquer pessoa pode realizá-lo? Convidamos o especialista em implantes Douglas Lima para esclarecer a dúvida. Descubra se você tem o perfil de um paciente apto para o procedimento.

Desvendando o caso

O implante pode ser a melhor escolha para recuperar o sorriso de muita gente. De acordo com o dentista, para receber o implante o paciente deve apresentar boas condições de saúde, ter o costume de praticar uma higiene bucal correta e possuir espessura e altura ósseas para a colocação do pino. A idade mínima para fazer o procedimento é de 18 anos.

Entretanto, antes de optar pelo procedimento, você terá que seguir um planejamento odontológico chamado de planejamento reverso. “A pessoa precisa ter consciência de todas as etapas do tratamento, adotar certos cuidados com a higiene e ficar ciente de todos os possíveis riscos”, esclarece o profissional. Após este processo, o paciente consegue receber os implantes e as próteses.

Quem não pode colocar implante?

Para todo tipo de procedimento odontológico existem restrições. Ter uma boa saúde geral é o que mais conta no momento de colocar essa prótese. Douglas lista alguns problemas capazes de impedir a terapia.

- Pessoas diabéticas não tratadas
- Hipertensos não compensados
- Pacientes com problemas cardíacos que não seguem o tratamento
- Pessoas que usam medicamentos que afetam a cicatrização óssea
- Pacientes que fazem radioterapia
- Gente com pouca espessura óssea na área da colocação dos implantes

Alguns casos podem ter solução

Mesmo com tantas restrições é importante consultar um dentista para avaliar cada caso. O especialista lembra que, hoje em dia, existem técnicas bem eficientes de ganho de massa óssea para colocar implantes, por exemplo. Aqueles pacientes com pouca espessura podem ter uma chance de realizar o tratamento. “Infelizmente os cenários mais severos não conseguem fazer o enxerto, como os pacientes que usam prótese total removível a muito tempo”, afirma. De todo modo, não deixe de ir ao profissional para descobrir a melhor forma de repor o seu sorriso.