Pular para o conteúdo principal
Logo Facebook Powered By Logo OralB
15.06.2020

Fluorose dentária: o que é? Como se forma? Quais são as causas? Tem tratamento? Saiba tudo sobre essas manchas brancas nos dentes

Toda criança aprende a escovar os dentes com seus pais ou com alguma pessoa da sua família. Esse hábito é muito importante e deve ser praticado desde sempre para prevenir o sorriso de vários problemas bucais, como a cárie, o mau hálito, gengivite e periodontite. Entretanto, muitos responsáveis acabam exagerando na quantidade de creme dental usada para fazer a escovação, o que, na maioria dos casos, acaba refletindo na fluorose dentária. Você já ouviu falar nessa complicação? O Sorrisologia explica tudo sobre o assunto - desde a origem e como tratar essas manchinhas nos dentes. 

O que é fluorose dentária?

A fluorose é um problema que se forma nos dentes devido à ingestão excessiva ou prolongada de flúor. Ela ocorre durante o período de formação dos dentes de leite, ou seja até os cinco anos de idade. O problema tem como característica principal o surgimento de manchinhas assimétricas nos dentes, que podem variar de cor - desde de esbranquiçadas a amarronzadas dependendo do grau da complicação. 

Quais são as causas da fluorose dentária?

Além da ingestão de flúor, outros fatores acabam contribuindo para a formação dessas manchinhas de fluorose, como a própria água que bebemos. Isso mesmo! O abastecimento de muitas cidades contém flúor em sua composição, o que ajuda a contribuir para a diminuição de cárie, mas, ao mesmo, tempo pode tornar um risco para o surgimento desse problema.

A fluorose é mais comum em crianças, mas também pode afetar a vida adulta

De fato, a fluorose é muito mais comum na dentição infantil devido à ingestão de flúor durante as primeiras escovações. Mas isso não significa que um adulto está livre de ter esse problema. Além disso, as manchas nos dentes não vão desaparecer quando os pequenos alcançarem uma certa idade, muito pelo contrário! O problema também vai afetar a dentição permanente e por ser um distúrbio de desenvolvimento dentário, as manchas não desaparecerão com o tempo.

Mancha branca no dente só pode ser sinal de fluorose dentária?

Embora uma mancha branca seja um sinal de fluorose, esse sintoma também pode significar o início de outros problemas bucais. Entre os mais comuns são: uma cárie ativa ou inativa e até mesmo um trauma na fase de formação dos dentes. 

Por isso, é tão importante consultar o seu dentista e realizar uma avaliação detalhada para saber a real causa e, assim, definir o plano de tratamento. Não deixe de ir ao especialista quando perceber algo de diferente no seu sorriso. Descobrir o que você tem de maneira precoce só aumentam as chances de sucesso de qualquer terapia.

Como prevenir a fluorose dentária? Conheça os cuidados que todo responsável precisa tomar com o seu pequeno!

A fluorose é caracterizada por manchinhas brancas ou amarronzadas que surgem na fase de formação dos dentes. A principal recomendação é que desde o nascimento dos primeiros dentinhos já utilize um creme dental com 1.100 ppm de flúor. Mas é importante acertar na quantidade do produto para evitar que o problema aconteça. No caso de uma criança pequena, que iniciou o nascimento dos dentes de leite, deve usar uma porção equivalente a um grão de arroz - nada mais além disso!

Depois de um tempo, é só adequar a porção do produto a ser colocada de acordo com a idade.

Outras dicas que podem ajudar a prevenir a fluorose dentária:

- Preferir produtos de acordo com a faixa etária de cada paciente;

- Se informar sobre os níveis de flúor da água de sua cidade;

- Evitar a ingestão de produtos fluoretados, como a própria pasta de dente;

- Ficar atento aos medicamentos que contém flúor em sua composição;

- Pratique uma alimentação saudável e equilibrada;

- Acompanhe a higiene bucal dos seus filhos. Avise que eles não podem engolir a pasta de dente e dê algumas dicas de como cuspir e bochechar corretamente para não sobrar nenhum resíduo do produto na boca.

O clareamento dental remove as manchas de fluorose?

De fato, só um dentista é capaz de avaliar e indicar o melhor tratamento para cada caso. Os cuidados com a fluorose vão depender de vários fatores importantes, como grau de severidade das manchas presentes e, claro, a idade do paciente. 

Os casos mais leves podem, sim, ser resolvidos com clareamento dental. Quando o procedimento clareia a cor do dente, ela se aproxima muito com a tonalidade da mancha, minimizando a percepção da fluorose. Entretanto, na maioria dos casos é necessário associar esse procedimento a outras alternativas de terapia.

Conheça outras alternativas para tratar a fluorose dentária

As soluções passam por clareamento, microabrasão e tratamento restaurador para camuflara as manchas brancas e amarronzadas. Às vezes, uma técnica precisa ser acompanhada por outra para que o problema seja completamente eliminado. 

Já nos casos mais severos existe uma terceira opção: colocar facetas de porcelana ou lentes de contato dentais. Assim, além de esconder a mancha causada pela fluorose, você também consegue dar uma renovada no seu sorriso, deixando os dentes mais brancos, alongados e de um tamanho mais padronizado. 

Mais Matérias: Dentes
Dá para reverter a aplicação de facetas de porcelana ou lentes de contato dental? Dentista esclarece o assunto
Dentes
Dá para reverter a aplicação de facetas de porcelana ou lentes de contato dental?...
Faz um bom tempo que você colocou facetas de porcelana ou lentes de contato dental com o objetivo de ter um...
com a participação de:
Rita Ventura
CRO-RJ: 42601
Como preservar o clareamento dental: cuidados, o que não fazer, dicas de higiene bucal e manutenção do tratamento
Dentes
Como preservar o clareamento dental: cuidados, o que não fazer, dicas de higiene bucal e...
Você fez clareamento dental e finalmente conquistou aquele sorriso branco que tanto queria. Agora, as preocupações acabaram e não é mais necessário ter aqueles cuidados minuciosos com os dentes, certo? Errado! Muita gente pensa que depois do clareamento não precisa mais se preocupar com a saúde...
Lixar os dentes em casa: dentista esclarece os principais riscos do "desafio" das redes sociais que desgasta o esmalte dentário
Dentes
Lixar os dentes em casa: dentista esclarece os principais riscos do "desafio" das redes...
A saúde bucal de muitas pessoas foi colocada em risco na internet nestes últimos dias. Um novo desafio...
com a participação de:
Caroline Malavasi
CRO /RJ 38947
Bebê dormindo com a boca aberta: é normal? Odontopediatra explica como esse hábito pode afetar os dentes da criança
Dentes
Bebê dormindo com a boca aberta: é normal? Odontopediatra explica como esse hábito pode...
Não existe nada tão fofo quanto assistir um bebê dormindo. Ver aquele sorrisinho banguela sem...
com a participação de:
Camila Stofella Sodré
CRO-RJ: 40419
Dia mundial do sorriso: dentista ressalta a importância de cuidar da saúde bucal e prevenir doenças, como a cárie
Dentes
Dia mundial do sorriso: dentista ressalta a importância de cuidar da saúde bucal e...
Seu sorriso merece todo cuidado do mundo. Por isso, é tão importante manter uma rotina de higiene...
com a participação de:
Rita Ventura
CRO-RJ: 42601
Fechamento do diastema: a frenectomia pode tratar o espaço entre os dentes? Saiba mais sobre o procedimento
Dentes
Fechamento do diastema: a frenectomia pode tratar o espaço entre os dentes? Saiba mais...
O diastema não é uma doença bucal , como a cárie, a gengivite ou a periodontite. Na...
com a participação de:
Uila Ramos da Silva
CRO-PE 10.380