Quando a criança deve começar a usar o fio dental? Pode parecer que a escova de dentes basta, mas mesmo na infância é essencial iniciar o uso desse produto. Os dentinhos dos pequenos são tão importantes quanto durante qualquer outra fase da vida. Na verdade, a atenção deve ser ainda maior, já que eles não têm o costume de se preocupar com a higiene da boca. Afinal, até os 9 anos, muitos deles ainda não tem a coordenação motora adequada para a escovação, por exemplo. Pensando nisso, o fio dental de hastes pode ser uma solução?

O fio dental com hastes funciona como uma ferramenta que, na ponta, consegue segurar o fio de forma alinhada. Além disso, o objeto conta também com um cabo longo, facilitando que o paciente segure-a com mais facilidade. Esse utensílio impede que as mãos e os dentes fiquem no meio do caminho para passar o fio dental nos lugares não muito fáceis de se alcançar, como nos dentes do fundo, os molares. Será que esse produto facilitaria a higiene de crianças? O cirurgião dentista Filipe Cestari explica!

Fio dental x saúde bucal na infância

A saúde bucal para os pequenos é bastante importante. Acontece que, nessa época, eles ainda não têm um cuidado muito grande com as dicas de limpeza oral, facilitando o aparecimento de problemas bucais. O que mais pode aparecer é a cárie, já que as bactérias naturais da boca podem se aproveitar de restos de alimentos, principalmente de açúcares, para se proliferar e iniciar a doença.

Para evitar que isso aconteça, o ideal é que se tenha os devidos cuidados, ou seja, a escovação correta e o uso do fio dental. Mas é preciso lembrar que essas atividades são complementares. “A escova limpa as áreas consideradas ‘fáceis’ e a fita dental explora os locais onde as cerdas da escova de dente não entram e não alcançam”, explica Filipe. Nessa região é comum que fiquem restos de comida, sendo o fio o acessório mais adequado para essa remoção.

O fio dental de hastes é o mais adequado

Isso mesmo. O especialista deixa bem claro que as hastes ajudam todo o processo. Tanto os pequenos, que ainda não sabem como usar o fio em sua rotina, quanto os pais, que podem ter dificuldades ao fazer esse cuidado em outras pessoas, podem aproveitar esse método. O design das hastes faz toda a diferença! Para utilizar a ferramenta só é necessário pedir ao pequeno que a morda. Dessa maneira, tudo se encaixa direitinho entre os dente. “As hastes facilitam a utilização do fio, tornando mais fácil passar entre os dentes e facilitando o manuseio dentro da boca”, comenta ele.

A participação dos pais na higiene bucal do filho é muito importante

Para mudar a rotina de uma criança todas as forças possíveis ajudam! Por isso, papais e mamães, se juntem para tornar o processo mais prazeroso para o seu filho. Segundo o cirurgião-dentista, as crianças costumam copiar os costumes do dia a dia dos pais. Assim, é muito importante que eles estejam presente, mostrando a importância dos cuidados orais e tornando o processo mais divertido. “Na hora da higienização oral, o adulto pode levar a criança para acompanhá-lo, ensinando e estimulando que ela faça os movimentos corretos com a escova e com o fio dental”, sugere o profissional.

Além disso, muitos ainda não conseguem fazer a movimentação correta com os braços durante escovar os dentes ou passar o fio dental. Por conta disso, os pais estarem presentes é a garantia de que a saúde bucal dele está em dia.

Qual a idade certa para começar a escovar os dentes sozinho?

Filipe comenta que, não só para escovar os dentes mas para fazer toda a higiene bucal, não existe uma idade certa. O mais indicado é que os pais determinem isso, a partir de uma observação e acompanhamento de como o pequeno tem feito a higienização, o que pode acontecer desde os 8 até os 11 anos. “Quando a criança termina a escovação, é preciso fazer uma avaliação, olhar os dentinhos e tentar visualizar pontos onde será necessária uma atenção melhor”, comenta ele. Aos poucos, ao perceber que há uma melhora na limpeza, já é hora de dar asas ao pequeno!

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Filipe Silva Cestari - Cirurgião Dentista, com formação na área de Atualização em Endodontia, ambos pela Universidade Brasil
São Paulo - SP
CRO-SP: 126.314