Pular para o conteúdo principal
Logo Facebook Powered By Logo OralB
19.07.2018

Extração de dente: Veja hábitos que podem ser prejudiciais após a cirurgia

  Muitas vezes, simples hábitos do nosso dia a dia podem acabar prejudicando de forma severa a saúde bucal, principalmente quando o paciente acaba de passar por uma cirurgia de extração de dentes. Veja o que não fazer neste momento
Muitas vezes, simples hábitos do nosso dia a dia podem acabar prejudicando de forma severa a saúde bucal, principalmente quando o paciente acaba de passar por uma cirurgia de extração de dentes. Veja o que não fazer neste momento

Expert

Laura Neya Nogueira

Laura Neya Nogueira

CRO-MT 2585

Cirurgiã dentista Especialista em Ortodontia e Implantodontia, com graduação em odontologia pela UNIC- Universidade de Cuiabá. Proprietária da Clínica OdontoLight Espaço Saúde

Antigamente, a extração de dentes era uma indicação comum dos profissionais de odontologia quando algum problema acometia a saúde bucal dos pacientes. Com o avanço das tecnologias foi descoberto o quanto é importante que a dentição desse paciente esteja completa, e a extração dental é vista como um procedimento de último caso. Se você precisou passar por ela ainda assim, fique tranquilo, pois é totalmente seguro. Contudo não se deve abrir mão de alguns cuidados importantes após a cirurgia. O Sorrisologia conversou com a dentista Laura Neya Nogueira para falar de alguns hábitos do cotidiano que podem ser prejudiciais nesse momento.

Em quais casos a extração de dente é indicada?

Atualmente, os profissionais de odontologia indicam a extração dentária em casos que esse dente não tem mais possibilidade de ser mantido. Laura explica mais sobre o caso: “Geralmente esses procedimentos são indicados quando o tratamento de canal não teve resultado satisfatório, ou quando há quadros de raízes fraturadas e dentes com sérios problemas periodontais com grande perda óssea”, comenta.

Os cuidados indicados antes e depois do procedimento

Segundo a profissional, antes da extração de um dente é observado o estado geral de saúde do paciente e se há, por exemplo, complicações cardíacas, pressão alta, válvulas cardíacas e se o paciente toma anticoagulantes. A profissional completa: “Saber sobre o controle da glicemia, diabetes, também é importante, pois o quadro tem grande influência no momento da cicatrização”, comenta Laura.

Depois do procedimento, deve ser evitada a exposição ao sol e esforço físico. A alimentação deverá ser mais fria, líquida e pastosa pelas primeiras 48 horas, e os alimentos quentes e duros precisam ser evitados até a remoção dos pontos. “É importante que ele faça compressas com gelo do lado externo da face para evitar edemas e inchaços, e que tenha uma escovação cautelosa da região operada. Os demais dentes, bochechas e língua higienizar normalmente”, adverte a profissional.

Hábitos podem ser prejudiciais após a cirurgia

Além de seguir as recomendações do dentista, o paciente que acabou de passar pela cirurgia precisa evitar ações como cuspir e bochechos pelas primeiras 48 horas, bem como o hábito de fumar. “Esses descuidos podem trazer o rompimento dos pontos por fazer uma pressão negativa dentro da boca. Eles ainda podem causar o deslocamento do coágulo de dentro do alvéolo, o que deixa o osso seco e a cavidade oral exposta, podendo levar a infecção da ferida”, completa.

No caso de infecção, sintomas de dor e febre devem aparecer, e a dor normalmente se parece com pontadas ou fisgadas na região operada. Em alguns casos há relatos de dor intensa e pulsante. “O paciente deve imediatamente procurar o profissional dentista que deverá avaliar a medicação dada e fazer intervenções locais”, finaliza.

Mais Matérias: Dentes
Dor no dente podre: o que fazer? Dentista indica todos cuidados para acabar com o problema
Dentes
Dor no dente podre: o que fazer? Dentista indica todos cuidados para acabar com o problema
Ter   dor de dente é algo mais comum do que se imagina. No entanto, em alguns casos, o motivo por...
com a participação de:
Rhianna Barreto
CRO-RJ:37448
Dente podre pode causar mau hálito? Entenda a relação entre esses problemas bucais
Dentes
Dente podre pode causar mau hálito? Entenda a relação entre esses problemas bucais
Lidar com um dente podre é uma das principais reclamações entre os pacientes. Além de prejudicar a estética do seu sorriso, o quadro pode resultar em uma série de sintomas que podem oferecer riscos à sua saúde bucal, como a dor de dente e sensibilidade. Mas será que a presença de um...
Dente podre: quais são as causas e sintomas? Dá para tratar ou a extração é a única saída?
Dentes
Dente podre: quais são as causas e sintomas? Dá para tratar ou a extração é a única...
Faz tempo que você não vai ao dentista e um dos seus dentes está com uma aparência nada...
com a participação de:
Diego Limoeiro
CRO-RJ: 31146
Desgaste na restauração dentária: por que isso acontece? Como prevenir e fazer com que o procedimento dure por mais tempo
Dentes
Desgaste na restauração dentária: por que isso acontece? Como prevenir e fazer com que...
Quando se trata de cuidados com a saúde bucal, a restauração dentária é um dos...
com a participação de:
Diego Limoeiro
CRO-RJ: 31146
Dentes amarelados: o que significa? Por que eles ficam assim? Como clarear? 4 dicas para prevenir o amarelamento
Dentes
Dentes amarelados: o que significa? Por que eles ficam assim? Como clarear? 4 dicas...
Lidar com dentes amarelados pode ser um verdadeiro pesadelo para quem preza pela saúde bucal. Além...
com a participação de:
Kalina Diniz
CRO-SP: 110560
Qual é o melhor tipo de implante dentário? Especialista recomenda a melhor reabilitação após a perda do dente
Dentes
Qual é o melhor tipo de implante dentário? Especialista recomenda a melhor reabilitação...
O implante dentário é a opção mais recomendada pelos dentistas quando se trata da...
com a participação de:
Rita Ventura
CRO-RJ: 42601