Você sabe o que pode causar a perda de um dente? Existem muitos motivos para que isso aconteça. Dentre eles, podemos citar as doenças geradas pela falta de higiene bucal, como a periodontite e traumas dentários, como uma batida. No meio de tantas razões, será que a erosão dentária também pode ser uma delas? A dentista Heloísa Crisóstomo explica se o desgaste do esmalte é capaz de refletir na queda de um dente.

A erosão pode acabar na perda de um dente?

A erosão dentária é uma doença gradativa, que vai evoluindo e tomando, aos poucos, o sorriso do paciente. Porém, quem tem o costume de ir ao dentista regularmente ou já está sendo acompanhado por um profissional, consegue descobrir e tratar a complicação logo no início. Agora, aqueles que demoram a perceber o desgaste no dente ou pensam que essa corrosão é natural da idade, podem enfrentar uma terapia mais intensa ou, se os sintomas forem negligenciados, acontecer algo mais grave. "Eles correm o risco de perder o dente ou ter a necessidade de realizar um tratamento mais invasivo, como o canal, para conseguir reabilitar", afirma a endodontista. 

Não deixe a doença evoluir 

Assim como toda doença bucal, a erosão é preocupante em qualquer estágio, até porque a superfície dentária, o esmalte, não se regenera. "Por isso a importância de interceptar desde o início, sem deixar a doença evoluir e, principalmente, tratar a causa", avisa a profissional. Portanto, se você notar que seus dentes estão ficando mais sensíveis, amarelados e com uma leve transparência nas pontas, não pense duas vezes e procure o seu dentista.

Descobrindo e tratando o problema 

Para saber a melhor opção de tratamento, é importante descobrir o que vem causando a erosão. Em primeira instância, o dentista fará a anamnese, uma espécie de entrevista para descobrir todos os costumes, hábitos e informações da saúde do paciente. "Nesta avaliação com o profissional que será decidido qual a melhor técnica para reabilitar cada caso", assegura. 

A partir dela que o especialista consegue desvendar o que vem causando o desgaste do esmalte, que, de acordo com a Heloísa, pode ser reflexo de uma alimentação muito ácida, problemas gástricos, a falta de higiene bucal ou a pressa em realizar a limpeza após as refeições. Depois de descobrir o problema, é feita a terapia que consiste na proteção do dente e na recuperação da estrutura perdida com materiais de resina ou cerâmica. Com esse tratamento seu sorriso ficará saudável novamente e sem as manchinhas da erosão.