Produto Relacionado:

Uma maneira eficaz de devolver o sorriso completo à boca é a colocação de prótese dentária. O método consiste na substituição de um ou mais dentes perdidos ou ausentes. Dessa maneira, ele consegue promover a reabilitação das funções bucais, estética e foneticamente. Além disso, a prótese recupera a ação mastigatória correta. Entretanto, será que é preciso mudar a alimentação? Existe algum risco para estes pacientes? Para dar uma solução a essa dúvida, o Sorrisologia conversou com o dentista Nelson Alfarano.

Posso comer normalmente com a prótese dentária?

É importante saber que existem três tipos de próteses dentárias. As removíveis e as fixas, que consistem nas pontes fixas, coroas e blocos. Atualmente, há a possibilidade de próteses sobre implante, que substituem um ou mais dentes perdidos. Dessa maneira, pensando teoricamente, existe a possibilidade de comer normalmente, mas é preciso seguir algumas indicações. “Sabemos que dependendo do tipo de prótese, existem variações, como por exemplo, a potência mastigatória e a estabilidade da prótese”, explica o profissional. Por isso, a eficiência mastigatória dependerá de qual você usa. Por exemplo, uma removível é menos estável do que uma prótese fixa ou sobre implante.

Existem alimentos que devem ser evitados no uso de prótese dentária?

Assim como afirma o dentista, não há uma proibição quanto aos alimentos. No entanto, no início é importante selecionar o que vai comer. “É necessário um período inicial de adaptação, para que se acostume com a mastigação da prótese antes de mastigar alimentos duros”, ressalta Nelson. Para exemplificar, a dentadura pode diminuir em 80% a potência muscular do paciente. Outro ponto a ser destacado é a ingestão de doces pegajosos e pães, que são capazes de deslocar a prótese. Pensando nisso, o avanço da odontologia trouxe a implantodontia. Ela faz com que a mastigação desses pacientes seja semelhante a de pessoas com a dentição natural. Isto ocorre porque o método recupera a estabilidade e eficiência mastigatória.

Saiba como realizar uma higiene bucal eficaz com a prótese

Para higienizar as próteses removíveis, é preciso retirá-las da boca e limpá-la na mão. Isso deve ser feito após as refeições e antes de dormir com o uso de sabão neutro. Já para higienizar a gengiva e a mucosa, que dão suporte à peça, utilize o enxaguante bucal. “Pelo menos duas vezes por semana, deve-se colocar essas próteses em uma solução com pastilhas efervescentes apropriadas, seguindo a orientação do fabricante”, indica o dentista. Enquanto isso, as próteses fixas precisam ser limpas com acessórios especiais, como por exemplo as escovas interdentais. Por fim, não deixe de consultar-se a cada seis meses com seu dentista para manter uma boa saúde bucal.