Dores nas costas e na cabeça, com certeza, não é algo agradável. Muitas vezes, esses incômodos podem atrapalhar sua rotina, resultando em uma falta de concentração, estresse e indisposição. Nada legal, não é? Em geral, logo associamos o problema ao cansaço do dia a dia. Para completar, muita gente acaba se automedicando por achar não ser nada de mais. O que poucos sabem é que os sintomas pode estar relacionados a má oclusão dentária. A dentista Isrraela Massena trouxe explicações sobre o assunto e como pode ser solucionado.

A saúde bucal influencia diretamente na sua saúde geral

Para a maioria dos pacientes, pensar na relação entre um problema com a cavidade bucal que possa estar prejudicando outra parte do corpo é algo improvável. Entretanto, assim como ressalta a profissional, as dores insistentes nas costas e de cabeça podem estar relacionadas à saúde bucal. “Quando há a má oclusão dos dentes, ou sea, o contato dos dentes superiores com os inferiores ao fechar a boca é feito de forma errada, promovendo uma má oclusão, os músculos que unem o pescoço, cabeça e costas, podem desencadear esse tipo de dor”, comenta ela.

As consequências de uma má oclusão dentária

Sentir dor é de tirar toda a paz e concentração do dia. Esse desconforto pode estar sendo provocado pela mandíbula. Esta parte do corpo é um único osso do crânio, que tem como função a movimentação essencial para fala, respiração e mastigação, por exemplo. Dessa maneira, alterações na área provocam resultados diretos na postura da cabeça, que acaba também afetando a postura vertebral. “Para os atletas, por exemplo, esses problemas afetam o rendimento, podendo desenvolver outros ainda maiores, como traumas e infecções”, destaca Isrraela.

Afinal, o que provoca a má oclusão?

Segundo a odontologista, a má oclusão pode ser resultado de diversos fatores, como mau alinhamentos, ausência dos elementos dentários, desgastes excessivos causados pelo bruxismo ou apertamento, fraturas e crescimento da maxila. Por conta desses problemas, a tendência natural do corpo é reposicionar a mandíbula, como uma maneira de diminuir as consequências.

O paciente pode estar com alterações na posição da mandíbula sem perceber. Como consequência da tensão muscular, fortes dores nas costas e na cabeça começam a incomodá-lo. “Um tratamento multidisciplinar é o procedimento mais recomendado para trabalhar a saúde bucal e todas as partes do corpo”, orienta. Para muitos casos, além do dentista, é importante ter um acompanhamento de outras especialidades médicas. Dessa forma, o problema é detectado corretamente e iniciado o tratamento.

Este artigo tem a contribuição da especialista:
Isrraela Moura Massena - Cirurgiã-dentista
Rio de Janeiro - RJ
CRO-RJ 40985