Já parou pra pensar como será seu sorriso após os 60 anos? Saudável, conservado e, ainda por cima, todo branquinho é o que todo mundo quer, certo? Mas muita gente pensa que vai ficar banguela ou perder a cor natural dos dentes. Não é bem assim. A dentista Flávia Bazílio conta que isso ocorre pela vivência, alimentação e cuidados que o paciente tem durante toda a vida. "Com o passar dos anos a dentina torna-se mais amarelada, dentes jovens tendem a ser mais claros. Fatores externos e hábitos alimentares contribuem para o escurecimento dental".

Por que os dentes amarelam?

"A cor dos dentes é determinada pela dentina, que está localizada logo abaixo do esmalte. Como o esmalte é transparente ele reflete a cor original da dentina", explica. Isso que dizer que o branco do seu sorriso pode sofrer influência de muitos fatores externos, como o consumo de alimentos com corantes, café, vinho, entre outros.

O cigarro também é um grande vilão e fator primordial para o amarelamento dos dentes. "Além de todos os malefícios que ele pode causar à saúde geral e bucal, a nicotina tem um alto poder de impregnação no esmalte alterando a cor dos dentes".

Mude seus hábitos

"A ingestão em menor quantidade de alimentos que possam alterar a coloração natural dos dentes ajuda a mantê-los mais claros, além de uma boa higiene oral". Flávia conta que hoje em dia existem cremes dentais no mercado que ajudam a manter os dentes mais claros. "O ideal é procurar o dentista e avaliar o caso sobre a necessidade do uso desses cremes", orienta.

Tire esse sorriso amarelo do rosto

Chega um momento no qual você percebe que nem a escovação melhora a cor dos seus dentes. Neste caso, a melhor ajuda para conquistar um sorriso branco é uma consulta ao dentista. "Técnicas de clareamento dental caseiro ou em consultório odontológico também produzem um bom resultado para tornar os dentes mais claros, porém devem ser sempre feitos sob a orientação de um profissional", completa. Tudo para você tirar esse sorriso amarelo do rosto e viver com bem-estar.