Quem usa ou já usou aparelho ortodôntico fixo sabe que precisa aderir a alguns acessórios para complementar o tratamento de alguma forma. Eles podem ser estéticos, como as próprias borrachinhas que dão um colorido no seu sorriso, ou um dispositivo auxiliar que ajuda no posicionamento dos dentes, como a barra transpalatina. Por ser um apetrecho localizado bem no céu da boca, é importante ter cuidados na hora da higiene, alimentação ou até mesmo no período de adaptação. O ortodontista Marcos de Borba conta todas essas dicas essenciais.

Mais cuidado na hora da higiene

Na hora de comer, muitos restinhos de alimentos podem se alojar neste acessório e isso não é nada bom para a saúde bucal. Esse acúmulo, quando não retirado de forma correta, pode formar o tártaro e causar o indesejável mau hálito. "É recomendado o uso de uma escova unitufo para higienizar na fixação da barra ao molar". O uso de um fio dental para pacientes ortodônticos e enxaguante bucal sem álcool também são essenciais para limpar aqueles lugares inalcançáveis pela escova.

Adaptação da barra transpalatina no meio bucal

Logo que o dentista coloca este apetrecho no céu da sua boca, é possível sentir alguns incômodos para falar e mastigar. Não precisa entrar em pânico por isso. Leva um tempinho, entre 20 e 30 dias, para cada paciente se adaptar a essa novidade. O especialista conta que é possível amenizar o desconforto com medicamentos. "Ocasionalmente, pode ser recomendado o uso de alguma pomada tópica, recomendada pelo dentista, para uma possível presença de alguma lesão, mas é totalmente transitório".

Dica: Se os incômodos persistirem por mais de 1 mês, comunique o seu ortodontista para que ele possa avaliar outras possibilidades de tratamento, caso a remoção da barra seja necessária.

Corte os alimentos antes de comer

O profissional dá a dica para todo paciente conviver bem com esse acessório na hora da alimentação. "Os cuidados que devemos ter é procurar cortar alimentos o máximo possível, a fim de evitar que tranque na barra", conclui. É preciso evitar, também, os alimentos mais duros para que a barra não se desloque, causando uma lesão na mucosa do palato. Agora que você já sabe, basta praticar todas essas dicas para viver bem com seu sorriso ortodôntico.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Marcos de Borba - Ortodontista
Porto Alegre - RS
CRO-RS: 12129