Quem está passando ou já passou por uma situação de gengiva inflamada sabe que escovar os dentes nessas horas se torna um sufoco, não é? O desconforto na região somado ao possível sangramento que pode ocorrer desestimulam esse momento de higiene. Entretanto, não escovar os dentes só piora a sua condição. "Esses problemas bucais tem como principal motivo a higiene oral deficiente", explica o dentista Leonardo Costa. A falta de limpeza é capaz de abrir as portas da sua cavidade bucal para diversos problemas. E, com certeza, não é isso que você deseja. Veja essas dicas do profissional para realizar uma boa escovação.

1 - Fio dental + escovação

Enquanto não chega o dia da sua consulta ao dentista para tratar do problema, a higiene não pode parar. O fio dental não deve ser deixado de lado nesse momento, mesmo que o mínimo de contato na gengiva entre os dentes cause mais sangramento. O item é indispensável para manter a limpeza bucal, especialmente por alcançar aqueles espaços que as cerdas da escova não chegam. O importante é sempre utilizá-lo de forma mais branda. "Se feito de forma agressiva acaba machucando ainda mais a gengiva que está sensível e inflamada", explica.

"A escovação independente da condição gengival tem que ser realizada de forma suave e com uma escova dental macia, sempre após o uso do fio dental", acrescenta Leonardo. Deixar de fazer a limpeza bucal tende apenas a agravar a situação. Por isso, esforce-se!

2 - Enxaguante sem álcool

Para dar uma ajuda maior nesses horas você pode fazer uso de um enxaguante bucal. "Mas o paciente deve estar ciente de que eles não substituem a remoção mecânica da placa bacteriana que é feita com o uso do fio dental e da escova dental", alerta. O profissional ainda reforça que o enxaguante, independente da condição gengival, deve ser sem álcool. Caso você ainda tenha dúvidas sobre o uso do item, não deixe de conversar com seu dentista e pedir orientações.

3 - Procure um dentista o quanto antes

Muitas pessoas não dão importância quando ocorrem as mínimas alterações bucais, como um sangramento na gengiva. Deixar de procurar o dentista imediatamente pode causar um problema maior. "A inflamação gengival é inicialmente causada pela gengivite e se esta não for tratada ela pode evoluir para a periodontite, que se não tratada rapidamente, pode levar até a perda do dente". Está vendo, só? Com saúde bucal não se brinca.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Leonardo Costa - Periodontia
CRO-BA: 5935
Salvador, BA