Mau hálito: ninguém quer passar por esse problema. Muito desagradável tanto para quem tem quanto para quem convive, ele pode inclusive provocar situações bem constrangedoras! Na hora de um encontro, ao falar bem perto de alguém, quando um amigo oferece um chicletinho e você logo pensa que é uma indireta… As causas para o mau hálito podem ser diversas, mas existem certos hábitos que podem contribuir para que ele aconteça. O dentista Max Ferreira Jr dá dicas de como evitar esse problema e ter uma boca super refrescante!

Quais hábitos podem levar ao mau hálito?

O mau hálito pode atrapalhar sua vida amorosa, social e até mesmo profissional... A lista de como esse odor pode incomodar sua rotina é bem grande. As possíveis motivações para que esse problema aconteça são várias, e podem estar na própria boca ou também ser externas a ela. “O mau hálito pode ser causado pela má alimentação, por alterações no fluxo da saliva, ou seja, xerostomia, por uma má higiene bucal e até mesmo pelo estresse”, afirma o profissional.

Veja as principais dicas para evitar esse problema e ter um hálito refrescante

Ninguém merece sofrer com halitose né? Se você também quer ficar longe desse problema, confira algumas dicas do profissional. Segundo ele, a higienização bucal é o principal meio de prevenção ao mau hálito. Além disso, a ingestão regular e frequente de líquidos também é um meio eficaz de prevenção desse quadro. Manter uma alimentação de qualidade, com uma boa ingestão de fibras, é outro hábito importante para evitar o problema. “A escovação correta e regular, o uso disciplinado e diário do fio dental além de uma boa hidratação garantem um hálito puro e refrescante”, afirma.

Caso eu esteja com mau hálito, o que devo fazer para resolvê-lo?

Quem sofre com esse problema, muitas vezes não percebe quando está com o cheiro desagradável. Por outro lado, podem passar a acreditar que estão com halitose o tempo todo, o que atrapalha diversas situações, como o relacionamento, saídas entre amigos e reuniões de trabalho. Por isso, se você estiver sofrendo com esse quadro, não deixe de procurar um profissional! “Caso esteja com mau hálito procure a orientação de um dentista, ele dará orientações corretas de higiene bucal, dicas de alimentação adequada e intervenção profissional”, recomenda Max. Em alguns casos, uma profilaxia pode ser necessária, ou ainda uma investigação mais profunda sobre as causas desse problema.