Você já se perguntou como é feita a pasta de dentes que você usa no seu dia a dia? Por trás do tubinho do seu creme dental favorito, está uma série de processos fabris e químicos para que, além de ser prático de usar, o produto também higienize seus dentes e ajude a manter sua saúde bucal. Quer saber mais! Desvendamos alguns dos segredos por trás da fabricação do creme dental!

Quais são os componentes da pasta de dentes?

A fórmula do creme dental inclui uma série de ingredientes para garantir um sorriso limpo e saudável. Todos são pesados em diferentes equipamentos, de forma manual e eletrônica, para formar a pasta de dentes que você tem em casa. Para começar, ela é formada por dois tipos de agentes limpantes: os abrasivos, que agem de forma mecânica sobre os dentes, e os ativos, que reagem com bactérias presentes nos dentes e na língua e as eliminam. Também são adicionados flavorizantes e corantes para dar cor e sabor para a pasta.

Como a maioria dos componentes são sólidos, o creme dental também conta com solventes, para que a água ajude a completar a mistura, e umectantes. Além disso, são acrescentados surfactantes, que criam espuma em contato com a saliva, e ligantes, que dão a consistência do produto final. Para terminar a composição, ainda são necessários conservantes e produtos para deixar o pH do creme mais básico.

Mistura passa por um reator para ganhar a consistência que vemos no creme dental

Depois de reunir todos os componentes do creme dental, é hora de misturá-los! Nas fábricas, esse processo acontece dentro de um reator, que age de forma multifuncional. Além de promover as reações químicas necessárias entre todos os ingredientes, ele ainda tritura, combina e resfria a pasta de dentes. Como a estrutura é completamente fechado, o produto ainda precisa passar pela desaeração, que remove o ar que foi gerado durante a reação, e ainda é pressurizado mais uma vez.

Na última parte, tubos de pasta de dentes são fechados e embalados para transporte

Agora que a pasta de dentes está pronta para uso, é hora de embalá-la para que o produto chegue em segurança até a sua casa. Acredite: todo esse processo acontece de forma rápida e automatizada! Nas fábricas, há uma máquina específica para injetar o creme nos tubinhos, que são revestidos de alumínio em seu interior - tudo para mantê-lo protegido e seguro. Depois, cada unidade é selada com um jato quente e um mordente. Depois de todos esses processos, os tubos vão finalmente para a encartuchadeira, que os coloca em caixinhas de papelão. Agora, é só esperar sua pasta de dentes chegar até você!

*Quer saber como é feita a pasta de dente? Confira assistindo ao vídeo do Manual do Mundo: