Força excessiva na hora da escovação, bruxismo, má higiene bucal e dieta com alimentos muito ácidos são algumas possíveis causas para a sensibilidade dentária. Mas existe um outro fator que pode causar esse sintoma, que é o tratamento ortodôntico. A explicação para isso tem a ver com a grande movimentação ortodôntica, e foi esclarecida pela ortodontista Andréia Cotrim. Saiba também como pode ser feito o tratamento nesses casos!

É possível apresentar sensibilidade dentária durante o tratamento ortodôntico?

Não é uma regra, mas em alguns casos a sensibilidade dentária pode sim aparecer durante o tratamento com aparelho. “Esse tipo de alteração algumas vezes é relatada pelos pacientes e ocorre pela própria movimentação dental durante o tratamento ortodôntico, que modifica os contatos oclusais até se obter o resultado final com uma oclusão estável e balanceada”, afirma ela.

Quais fatores podem influenciar o início desse quadro?

É importante destacar que nem todo mundo que passa pelo tratamento ortodôntico vai necessariamente desenvolver a sensibilidade. Existem alguns fatores que podem contribuir para que isso aconteça. “Casos onde os dentes sofrerão uma maior movimentação ortodôntica com maior desoclusão e alteração nos contatos oclusais acabam gerando mais possibilidade de sensibilidade dentária”, esclarece Andréia.

Saiba como a sensibilidade é tratada nesses casos

Existem algumas formas de tratar esse problema. “Caso o paciente apresente esse tipo de sensibilidade, geralmente são indicados aplicação de flúor no consultório odontológico, aplicação de laser local e de verniz de flúor”, lista ela. Além disso, deverá ser recomendado o uso correto de escovas dentais com cerdas macias na hora da escovação, e de cremes especiais para dentes sensíveis.

Quais são os cuidados indicados nessa situação?

Os principais cuidados recomendados são relacionados ao cuidado na hora de escovar os dentes, para não piorar o quadro. “O uso correto de escova de dentes com cerdas macias e pasta de dente específica”, reforça. Hoje em dia é muito fácil ter acesso a esses produtos. “Já é possível encontrar escovas cada vez mais desenvolvidas que permitem que as cerdas sejam mais macias e mantenham a perfeita escovação na superfície dental e gengival, diminuindo muito as queixas sobre sensibilidade dentária”, diz ela. Além disso, pode ser indicado evitar o consumo de alimentos muito gelados ou ácidos, que são os maiores estimuladores do desconforto, enquanto esse quadro não é revertido.

Se a sensibilidade foi causada pelo tratamento ortodôntico, após o seu fim esse sintoma pode cessar. “Podemos ter a necessidade de ajustes oclusais para deixar a oclusão balanceada e sem contatos mais fortes em algum dente, que poderá causar sensibilidade também”, explica a profissional. Na maioria dos casos, segundo ela, os produtos específicos para dentes sensíveis são a única recomendação nesse momento.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Andréia Cotrim Ferreira - Ortodontista
São Paulo - SP
CRO-SP: 39000