Pular para o conteúdo principal
Logo Facebook Powered By Logo OralB
04.02.2021

Cigarro eletrônico faz mal aos dentes? Saiba 5 riscos do acessório para saúde bucal

O cigarro eletrônico pode trazer diversos prejuízos para a sua saúde bucal, como mau hálito e doenças periodontais
O cigarro eletrônico pode trazer diversos prejuízos para a sua saúde bucal, como mau hálito e doenças periodontais

O cigarro eletrônico, também chamado de e-cigarette, tem ganhado cada vez mais popularidade entre os fumantes. O motivo por trás disso é bem simples: o acessório libera a nicotina sem produzir fumaça, o que, para muitos, acaba sendo um sinônimo de menos riscos à saúde bucal e do organismo. No entanto, essa afirmação não passa de um mito! Os malefícios desse aparelho são os mesmos comparados com os cigarros tradicionais e o Sorrisologia pode provar! Confira abaixo 5 problemas que o cigarro eletrônico pode trazer para o seu sorriso.

1) Mau hálito

Um dos problemas mais comuns causados pelo cigarro eletrônico é o mau hálito. Embora não exija a inalação de fumaça, o acessório conta a presença da nicotina, que pode gerar um odor ruim na cavidade bucal. Além disso, o uso do cigarro eletrônico, combinado com uma má higiene bucal, pode piorar o hálito e torná-lo extremamente desagradável. Nesses casos, mascar chiclete não resolve nada! Então, é bem melhor evitar, ok?

2) Retração gengival

A retração gengival pode ser causada por uma série de fatores diferentes. Para surpresa de alguns pacientes, o uso do cigarro eletrônico é um deles. Isso porque o tabaco e a nicotina reduzem o fluxo sanguíneo, o que prejudica o abastecimento de nutrientes que as gengivas precisam para se manterem saudáveis, levando a danificação do tecido e, consequentemente, a retração gengival. Quando não tratado, o quadro pode expor as raízes dos dentes e aumentar o risco de desenvolver sensibilidade e até mesmo cáries.

3) Escurecimento da gengiva e dos dentes

Dentre os inúmeros problemas bucais que a nicotina pode resultar, o escurecimento dos dentes e da gengiva é um dos que causam mais incômodo aos pacientes. Ao acumular nas superfícies dos dentes, a substância adere ao esmalte dentário e resulta numa pigmentação escura que dificilmente é retirada através da escovação. Além disso, a nicotina também é capaz de estimular a produção de melanina, que é a grande responsável pelo surgimento de manchas escuras nas gengivas de quem fuma.

4) Doenças periodontais

Não é novidade que a principal causa das doenças periodontais é o acúmulo de placa bacteriana nas superfícies dos dentes. O que poucos sabem é que, embora o quadro possa ocorrer em qualquer pessoa que não realiza uma higiene bucal adequada, os fumantes possuem mais riscos de desenvolver esses problemas. Isso porque o cigarro eletrônico interfere nas substâncias presentes na cavidade bucal e pode causar inchaço e inflamação nas gengivas. Quando não tratadas, as doenças periodontais podem levar à perda de dentes e outras complicações. Por isso, é importante estar atento e evitar que a situação chegue a esse ponto.

5) Xerostomia (boca seca)

Outra doença bucal que o cigarro eletrônico pode provocar é a xerostomia - popularmente conhecida como boca seca. Isso porque a nicotina pode diminuir a produção de saliva que, por sua vez, é responsável por manter a limpeza natural da boca e o equilíbrio das bactérias na cavidade bucal. Quando essa proteção é reduzida, os riscos do surgimento de cáries aumentam, além de tornar a mucosa bucal mais sensível, provocando feridas na boca, fissuras na língua, dificuldade para mastigar e o mau hálito.

Mais Matérias: Saúde Bucal
Flúor na higiene bucal: conheça os benefícios, como usar, presença em alimentos e mais
Saúde Bucal
Flúor na higiene bucal: conheça os benefícios, como usar, presença em alimentos e mais
A saúde bucal depende de uma série de cuidados com a cavidade bucal. O uso e consumo de flúor, por exemplo, é o principal deles. Embora seja um elemento de pouco destaque na tabela periódica, ele é um grande aliado para a saúde do seu sorriso e fazemos uso dele todos os dias, mesmo sem se dar conta....
Enxerto ósseo dentário: um guia completo sobre o procedimento odontológico
Saúde Bucal
Enxerto ósseo dentário: um guia completo sobre o procedimento odontológico
Você já ouviu falar em enxerto ósseo dentário ? Responsável por ampliar a altura e a espessura do osso, o procedimento é indispensável para quem deseja realizar um implante no dente. Mas, assim como qualquer outra técnica odontológica, o enxerto ósseo dentário também...
Ausência de cálcio nos dentes: como identificar?
Saúde Bucal
Ausência de cálcio nos dentes: como identificar?
Você sabia que o cálcio é um nutriente essencial para manter a saúde dos seus dentes? Sim, isso mesmo! Além de garantir o funcionamento de outras partes do organismo, ele participa ativamente na formação, no crescimento e até mesmo na manutenção dos dentes e dos ossos. Apesar do...
Dente furado pode provocar mau hálito?
Saúde Bucal
Dente furado pode provocar mau hálito?
O surgimento de um dente furado é sempre sinônimo de prejuízos para a saúde bucal. Isso porque, além de indicar a presença de cárie, o quadro também pode resultar em outros problemas bucais, como sensibilidade nos dentes e gengiva inchada. Mas, o que poucos pacientes sabem é que, o dente...
Antibiótico pode causar manchas nos dentes: mito ou verdade?
Saúde Bucal
Antibiótico pode causar manchas nos dentes: mito ou verdade?
O surgimento de manchas nos dentes pode ser causado por uma série de fatores diferentes. O desgaste do esmalte dentário e o consumo excessivo de flúor, por exemplo, são os principais entre eles. O que poucos pacientes sabem é que, o uso indevido ou exagerado de antibióticos também pode resultar nas...
Infiltração no dente pode causar dor de cabeça? Especialista explica!
Saúde Bucal
Infiltração no dente pode causar dor de cabeça? Especialista explica!
Dentre as diversas doenças bucais, a infiltração no dente é uma das que trazem mais...
com a participação de:
Julliane Gonzalez
CRO-RJ: 49513