Você sabe como pode ser o câncer de boca? Um dia, realizando seu autoexame bucal, você encontra uma feridinha dentro da boca. Passam-se alguns dias e nada desse machucado sumir. Se isso acontecer, preste bem atenção, pois pode ser um sinal de alerta para a saúde do seu sorriso. O câncer de cavidade oral faz parte do conjunto de tumores que afetam a cabeça e o pescoço, e ocorre, com mais frequência, na região da língua. Para perceber essa doença o quanto antes e receber o diagnóstico precoce do dentista, é preciso ficar de olho em alguns estágios dessas feridas. A estomatologista Marianne Carvalho apontou os principais sintomas desse problema.

Quais os sintomas do câncer de boca?

1- Quando você realiza seu autoexame regularmente, é importante reparar se existe feridinhas em todo o universo bucal e, principalmente, na cor dessas lesões. "Ocorre com mais frequência em borda lateral de língua e assoalho bucal e pode se apresentar como manchas brancas e avermelhadas (leucoeritroplasia)", atenta a especialista. Uma das principais manifestações são pequenos caroços na língua, principalmente na lateral, caracterizando um câncer na região. Além de inchaços na área, também podem aparecer sangramentos constantes. Mas as doenças de boca podem aparecer de diversas formas. Sendo o mais indicado procurar o profissional assim que algo novo for notado.

2- Se depois de um tempo você perceber que essas feridas ainda estão na sua boca, chegou a hora de procurar ajuda. "O câncer da cavidade bucal deve ser considerado quando uma ou mais dessas lesões se encontrarem presentes por um período maior do que 3 semanas sem apresentar cicatrização", comenta.

3- "Geralmente o paciente só procura o profissional de saúde mais tardiamente e, dessa forma, a doença se apresenta como uma lesão ulcerada, com bordos elevados, endurecidos e eritematoso (avermelhado)", explica. Não deixe sua cavidade oral chegar a este ponto. Procure um dentista o quanto antes. Até porque, mesmo se não for um problema grave, o profissional também poderá dizer o que fazer para tratar do machucado e facilitar o processo de cicatrização.

Tem como evitar o câncer de boca?

Normalmente, o câncer pode aparecer sem que algo o provoque. Mas Marianne garante que existem muitos meios que podem evitar a formação das lesões cancerígenas. "Para prevenir o câncer de boca o ideal é adotar atitudes saudáveis como parar de fumar, praticar sexo oral com preservativos, evitar exposição solar com o uso de protetores físicos (chapéu, guarda-sol) e químicos (batons e cremes de proteção solar) e seguir uma boa alimentação", aconselha. O melhor de tudo é viver seu dia a dia com saúde.

A importância do autoexame bucal

O diagnóstico precoce pode aumentar as chances de cura. "Por isso devem-se realizar visitas regulares ao dentista, uma vez que é o primeiro profissional a identificar as alterações na cavidade oral". O autoexame da boca também deve ser realizado. Basta ter um espelho e praticar a técnica regularmente. A especialista ainda lembra do hábito que todo mundo necessita para ter um sorriso saudável. "Deve-se encorajar o paciente a adotar comportamentos saudáveis, dentre eles a higiene bucal", completa.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Marianne Carvalho - Estomatologia e Patologia Bucal
CRO-PE: 7822