Mesmo sem fazer nenhum esforço físico ou praticar algum esporte você sente a boca seca e aquela necessidade de beber água com frequência? Pode ser que seu problema não esteja relacionado à sede, mas sim a xerostomia. Uma doença que diminui a produção de saliva e causa uma série de complicações bucais, como a cárie. Isso, para um atleta, também significa perda do desempenho durante os treinos e competições. O mestre em Odontologia Esportiva Reinaldo Dias conta ao Sorrisologia sobre como acabar com este problema.

Boca seca causa cárie?

"A diminuição do fluxo e do pH salivar aumentam o risco de sensibilidade dental e do aparecimento de cáries", conta o dentista. A saliva tem a função de neutralizar a acidez da boca e proteger os dentes contra muitos problemas bucais, dentre eles, as lesões cariosas. A boca seca também pode desencadear outros vilões para o seu sorriso. "Propicia a proliferação dos microrganismos já presentes na cavidade oral comprometendo o equilíbrio de sua microbiota". Isso resulta no surgimento de infecções, halitose e doenças gengivais. Um esportista com estas gravidades odontológicas correm sérios riscos em seu desempenho e resultado. 

A xerostomia em um atleta

Essa complicação em atletas pode ser causada por muitos motivos, como ansiedade, estresse e o famoso nervosismo antes dos jogos e competições. "A boca seca durante a prática de esportes é consequência de uma ativação do estímulo das glândulas salivares, conforme já comprovado", explica Reinaldo. Porém, este problema também pode surgir devido a falta de hidratação ou respiração incorreta, muitos esportistas respiram pela boca. Muitas vezes um tratamento multidisciplinar, incluindo um fonoaudiólogo, se torna necessário. 

Hidrate-se e visite seu dentista do esporte

Reinaldo dá o recado para os campeões. "Hidratação constante. Sendo que o melhor tipo de hidratação vem da água". Por isso evite a ingestão demasiada de bebidas isotônicas, elas têm o poder de diminuir o pH da saliva e refletir, mais uma vez, em uma cárie. Não deixe de visitar seu dentista regularmente para controlar e tratar qualquer doença que aparecer em seu universo bucal. Consultas a este profissional também ajudam a manter seus cuidados higiênicos caseiros bem atualizados. Tudo para que o atleta conquiste um sorriso de ouro no pódio.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Reinaldo Brito e Dias - Odontologista
São Paulo - SP
CRO-SP: 12700