As aftas são um problema difícil de ignorar, mas existem vários remédios que ajudam no tratamento dessas lesões, além de alternativas caseiras para amenizar o incômodo provocado por elas. Dentre as medidas caseiras, é comum que as pessoas procurem na internet quais as melhores receitas para isso, e logo aparecem sites que afirmam que o bicarbonato de sódio pode resolver o problema. Entretanto, antes de fazer isso, a melhor atitude é procurar saber a opinião de um profissional sobre o assunto. Para ajudar, conversamos com a dentista e estomatologista bucal Beatriz Venturi, que contou tudo que você precisa saber para se livrar das aftas de maneira segura!

O bicarbonato é a melhor solução para aftas?

O bicarbonato é bom para diminuir o pH da saliva e aliviar os incômodos da lesão, mas está longe de ser o melhor tratamento para o problema. Além disso, muita gente pensa que é só pegar o pozinho e colocar diretamente na afta, mas isso pode trazer graves consequências, como dor e ardência, deixando a ferida ainda mais séria. Por isso, é preciso saber aplicar o produto da maneira certa, e a dentista explica o melhor jeito de usá-lo: “Dissolva na água para bochecho, com a medida de uma colher de chá do produto para três dedos de água. Normalmente, é recomendado fazer o procedimento três vezes ao dia”, ensina.

Remédio para afta: quais são as opções de tratamento? 

Para aliviar o incômodo da afta são recomendadas pomadas com propriedades antissépticas, anti-inflamatórias e até cicatrizantes, que podem agir mais rapidamente. Além disso, medicamentos com o corticoide, analgésicos e anestésicos também podem ser indicados pelo dentista, dependendo do quadro do paciente. Vale destacar que, como as causas para a afta podem variar, o tratamento vai depender de uma análise feita pelo profissional, como destaca Beatriz: “Só o estomatologista pode fazer o correto diagnóstico e estabelecer o tratamento, que é individual”.

Outra opção bastante eficaz para tratar e prevenir aftas é a laserterapia, um procedimento que não dói nada e é super indicado para qualquer pessoa. Ele é feito com um aparelho que emite uma luz diretamente na mucosa tratando ou evitando o local das lesões. Gostou? Converse com seu dentista sobre a possibilidade dessa técnica para acabar com as temidas e dolorosas lesões que atingem a cavidade oral.

7 possíveis causas para a afta

• Trauma local

• Falta de vitaminas

• Imunidade baixa

• Ingestão excessiva de bebidas e alimentos ácidos

• Fatores psicológicos, como o estresse

• Atrito com o aparelho ortodôntico

• Distúrbios gastrointestinais, como Doença Celíaca e Doença de Crohn

Remédios caseiros para afta são seguros?

Aplicar sal, água oxigenada ou até o bicarbonato de sódio diretamente na lesão é uma péssima escolha. Mas existem remédios que podem ser feitos em casa que melhoram as dores provocadas pela afta. A dentista indica alguns: “Bochechos ou chá com própolis e aloe vera ajudam a aliviar bastante os incômodos. O importante é se certificar de que a formulação não tenha álcool”. Os bochechos podem ser feitos com uma solução feita com uma colher de leite de magnésia ou bicarbonato de sódio diluído em um copo de água. Outra alternativa é diluir um pouco de água oxigenada 10 volumes em água e aplicar com um cotonete diretamente na afta.

De qualquer forma, a recomendação principal é que não se coloque nenhuma solução agressiva que possa causar ardência no local. Também é importante ficar atento a escolha do enxaguante bucal, que não deve conter álcool. Portanto, antes de aplicar qualquer medida caseira duvidosa, procure um profissional.


Este artigo tem a contribuição do especialista:
Beatriz Venturi - Estomatologista
Rio de Janeiro - RJ
CRO-RJ: 25916

Originalmente publicada em 26/12/2018
Atualizada em 31/01/2020