Refrigerante, doces e salgadinhos. Todas essas e outras guloseimas são tentações para qualquer pessoa, principalmente para os adolescentes. Tá certo que essa época é marcada por grandes descobertas e mudanças, como a puberdade e o surgimento do dente siso, e isso deixa os jovens mais ansiosos, contudo a má alimentação constante e outros hábitos podem afetar a saúde do corpo e, também, do sorriso. A patologista bucal Dulce Cabelho diz que todo cuidado é primordial para que o jovem chegue à fase adulta com dentes bonitos e longe de doenças, como a cárie. Saiba como ter uma boca saudável desde já.

Aprenda a dizer "sim" à higiene bucal

A adolescência mal chega e com ela as decisões e mudanças. Ser aprovado no vestibular ou qual faculdade escolher são algumas delas. Dulce conta que por este motivo a saúde dos dentes é colocada em último lugar e o jovem acaba definindo outras prioridades. "A transição entre a fase infantil e adulta torna o adolescente preocupado com a estética corporal e deixa de lado a higiene bucal". A questão é que se seu sorriso não estiver bem cuidado, seu corpo e bem-estar vão estar na mesma situação: descontentes. Diga sim à higiene bucal e aprenda a viver bem com todo o resto do organismo.

Comer bem, que mal tem?

A especialista explica que devido as muitas transformações e a ansiedade nesta fase, o adolescente acaba descontando na alimentação. Isso resulta no excesso de "besteiras" como doces, refrigerantes e os famosos fast-foods. Estes e outros alimentos saturados em gordura e açúcar são frutos de uma dieta cariogênica, que é preocupante para qualquer um, mas se torna mais grave quando se fala dos jovens. "No caso dos adolescentes, aumentam os riscos de doenças gengivais e dentais".

O que acha de reverter esse quadro e adotar uma vida mais saudável? Você não precisa abrir mão de tudo. Basta evitar o consumo de certas guloseimas e mesclar com um cardápio recheado de legumes, frutas e verduras. Muitos podem até limpar seu sorriso, como o brócolis, cenoura e a melancia, considerados alimentos detergentes.

Fuja dos maus hábitos e tome cuidado com os piercings

Também existem muitas dúvidas e curiosidades que os adolescentes enfrentam. Alguns conhecem o tabagismo, experimentam bebidas alcoólicas e até têm aquela vontade de colocar o primeiro piercing. Mas para que tudo seja feito com responsabilidade e no momento certo, é importante discutir estes assuntos com os pais e descobrir como essas atitudes podem afetar na vida do jovem. "O tabaco é preocupante por mudar a coloração do dente e iniciar um processo que diminui a circulação periférica, podendo desencadear doenças gengivais e periodontais a longo prazo". O mesmo pode acontecer com o consumo abusivo de cerveja, por exemplo. Já o piercing nos lábios ou na língua acaba provocando desgaste do esmalte dentário.

Não deixe de ir ao dentista

Ter um sorriso bonito é bem importante para todo adolescente. E para manter dentes saudáveis e fugir dos maus hábitos é preciso muito mais que praticar a escovação. Por isso, o acompanhamento com o dentista a cada seis meses se torna necessário. Não apenas para tratar de doenças bucais, mas, também, para manter os cuidados higiênicos atualizados. Coloque sua saúde bucal em dia e curta a adolescência com muitas risadas.