Ansiedade, mudança instantânea de humor e irritabilidade. Para muitas mulheres essas alterações só podem ser sinais da temida Tensão pré-menstrual, ou simplesmente TPM. Como se não bastasse todo esse momento delicado, as mulheres podem sofrer outros efeitos na sua saúde bucal, como o temido mau hálito. "A tensão pré-menstrual está diretamente relacionada ao stress, portanto pode alterar o odor bucal", comenta a dentista Dulce Helena Cabelho.

Mas por que este fenômeno acontece?

Segundo a especialista, a TPM provoca alterações dos hormônios e modificações orgânicas que incluem a diminuição da saliva, conhecida como hipossalivação. "Esta diminuição relaciona-se ao desequilíbrio do sistema nervoso central: pouca saliva aumenta a possibilidade de formação de placa bacteriana na superfície dos dentes e no dorso da língua - conhecida como saburra lingual, que provoca a liberação de gases, principalmente o enxofre, quando decompostas". Já deu pra imaginar o resultado, né? Ninguém merece conviver com esse problema.

Doce em excesso pode gerar outros problemas

A TPM tende a diminuir a produção de oxitocina e endorfina, hormônios relacionados ao bem-estar. Daí, para equilibrar esse quadro as mulheres logo buscam um docinho, não é mesmo? Tem horas que só aquele chocolate pode te salvar. Mas a profissional alerta que essa fuga acaba sendo um um elemento prejudicial a mais para a saúde bucal e que pode evoluir para outros problemas. "O consumo de doces aumenta a produção de placa bacteriana e, consequentemente, pode levar a cárie e gengivite (gengivas vermelhas e sangrante)".

Higiene bucal pode evitar o problema

Para evitar estas e outras complicações a mulher deve estar atenta ao seu ciclo menstrual e consultar um médico ginecologista para controlar os sintomas da TPM e, assim, melhorar a produção da saliva. Além disto, claro, a higiene bucal nunca deve parar. Não importa o seu humor do dia. "Manter e preservar hábitos constantes de higiene bucal que incluem a escovação de dentes e dorso da língua para facilitar a remoção da saburra lingual, uso do fio dental diariamente e utilização de soluções enxaguantes através de bochechos e gargarejos que facilitem a limpeza, inclusive da garganta".

A ingestão de água e fibras ajudam a controlar o mau hálito

"A ingestão frequente de água bem como alimentos ricos em fibras diminuem a quantidade de placa bacteriana", garante a especialista. Evitar o consumo de doces e incluir o consumo de frutas, legumes e verduras também melhoram a imunidade e restabelece o sistema orgânico.

Pratique uma boa limpeza com o creme dental correto

Para realizar uma higiene bucal mais eficiente e dar aquela forcinha na escovação, use um creme dental de limpeza profunda. Ele ajuda a eliminar as bactérias dos dentes e gengivas, dando um reforço e tanto, principalmente nesta fase de mudanças hormonais. O produto também alcança áreas de difícil acesso proporcionando uma sensação refrescante na boca por mais tempo. Não deixe a TPM tirar seus motivos para sorrir e previna-se!