As temperaturas estão caindo e, para muita gente, é uma época sempre muito gostosa. Contudo, há quem sinta desconforto, e não pelo clima mais frio do ambiente, mas pela sensibilidade nos dentes. Pois é, para quem sofre com o problema é comum sentir dor na ingestão de alimentos gelados, porém, em dias de inverno, seja ao falar ou bocejar, os dentes afetados podem sentir aquele choque também. O Sorrisologia foi buscar mais informações sobre esse quadro com a dentista Andréia Cotrim. Veja também dicas para aliviar o desconforto.

Saiba os fatores que contribuem para a sensibilidade dentária

A sensibilidade dentária acontece por conta da exposição da dentina. Essa é a parte mais interna do dente, que fica coberta pelo esmalte ou gengiva, e possui uma estrutura mais molinha. Pensando nisso, alguns fatores podem agravar esse quadro e aumentar o incômodo do paciente. A profissional destacou três desses motivadores:

- Oclusão incorreta: pode gerar um trauma no dente. “Causando uma recessão gengival expondo a região cervical do dente ao meio bucal”, explica ela;
- Bruxismo: o apertamento dos dentes geraria o mesmo quadro destacado acima;
- Escovação muito forte ou uso de escovas dentais muito duras: “Promove a recessão gengival agora por um trauma diretamente ao tecido gengival expondo a região cervical do dente ao meio bucal”, esclarece.

É verdade que a sensibilidade nos dentes se agrava em dias mais frios?

Segundo a ortodontista, a sensibilidade dentária acaba aumentando nos dias mais frios. Isso acontece por conta da grande diferença entre a temperatura ambiente e a do corpo. “Desta maneira, a região cervical exposta ao meio bucal apresenta uma grande quantidade de inervações, ficando mais suscetível a essa brusca diferença de temperatura entre ambiente externo e interno, gerando uma maior sensibilidade dental nos pacientes”, esclarece a dentista.

Veja como aliviar esse quadro de sensibilidade

Ninguém quer sentir o desconforto da sensibilidade, seja em dias frios ou não. É comum que pacientes com esse quadro procurem um maneira de aliviar mais rapidamente. Uma solução é recorrer aos cremes dentais específicos para esse problema. “Outra solução que pode ser dada é a aplicação tópica de flúor gel no consultório dentário ou restauração com resina composta da região cervical exposta ao meio bucal”, destaca Andréia. Para os casos mais severos, pode ser necessário iniciar um tratamento endodôntico, que consegue eliminar a dor da sensibilidade.
Além disso, seguindo os cuidados diários é possível evitar a sensibilidade. Utilize escovas com cerdas macias e não aplicar força excessiva na escovação, evitando assim problemas nos dentes e gengivas. E lembre de sempre consultar seu dentista sobre as melhores opções de tratamento e prevenção de doenças bucais.