Quando você menos espera surge um novo dente na sua cavidade oral. Normalmente entre os 16 e 20 anos, os sisos costumam aparecer, mesmo sem ser convidados. Limpá-los precisa passar a fazer parte do seu ritual de higiene bucal. Caso contrário, alguns problemas podem surgir, como por exemplo, uma inflamação. E o resultado disso você sabe bem qual é… muita dor. O Sorrisologia reuniu 5 situações em que esse quadro pode atrapalhar o seu dia, e mostra também os principais cuidados a serem tomados nessa situação, indicados pelo cirurgião dentista Cláudio Fortes.

1 - Escovar os dentes se torna uma difícil missão

Logo quando acorda, você levanta da cama e vai para o banheiro fazer sua higiene bucal. Coloca sua pasta de dente na escova e, quando vai iniciar a limpeza, sente muita dor nos sisos. O incômodo causado pela inflamação faz com que a pessoa não escove os dentes de trás corretamente. Essa situação pode levar ao acúmulo de placa bacteriana, resultando em mau hálito e criando o risco de acarretar problemas como cárie dental, quadros gengivais e até mesmo uma infecção local.

2 - Fica complicado aproveitar sua refeição favorita

Na primeira refeição do dia você já sente dificuldade. A inflamação nos dentes sisos causa dor e consequentemente dificuldade para mastigar os alimentos. Você só consegue ingerir os mais frios e pastosos sem sentir dor. No começo parece animado tomar muito sorvete, mas depois de algumas horas você já está morrendo de vontade de mastigar algo mais sólido. Só porque você está com a inflamação, te convidam para comer no seu restaurante favorito. Teimoso, você vai, mas não consegue comer nem a entrada. Ninguém merece passar por isso, né?

3 - Cumprimentar qualquer pessoa se torna desagradável

Se você se encontra com algum conhecido na rua, finge que nem viu. O simples ato de dar beijinho ou um abraço quando encontra um amigo vira um momento desagradável no seu dia. Cuidado para não ganhar fama de antipático! Qualquer impacto na região próxima aos sisos causa dor e incômodo. Você até tenta pedir cuidado ou cumprimentar de longe, mas sempre tem um conhecido super simpático que acaba sendo mais rápido que o aviso.

4 - Prefere ficar em silêncio

Falar é uma tarefa delicada. Você sente dificuldade até mesmo em abrir a boca, por isso prefere ficar em silêncio o dia todo. Se estiver no trabalho ou com os amigos, essa situação pode se tornar ainda mais complicada.

5 - Atrapalha sua noite de sono

No fim de um dia super desgastante, finalmente chegou a hora de descansar. Enfim vai poder ficar em silêncio, sem falar nem cumprimentar ninguém, não vai precisar mais comer e nem sentir dor. Isso é o que você pensava… Quando deita para dormir, percebe que essa vai ser mais uma tarefa prejudicada pela inflamação. A dor atrapalha o seu sono, e encontrar uma posição confortável parece uma missão impossível.

Como evitar essa situação

O segredo para passar longe desses problemas é bem simples: uma higiene bucal adequada aliada ao acompanhamento de um dentista. Apesar de ser mais complicado de alcançar, é preciso usar fio dental também nos dentes sisos - se estes já erupcionaram na cavidade bucal. Segundo o dentista Cláudio Fortes, usando técnicas corretas e com um pouco de paciência é possível realizar essa higiene corretamente. Para a escovação, uma alternativa sugerida pelo profissional é a escova interdental, que possui uma cabeça menor.

Caso a higiene continue difícil, talvez a extração seja a melhor opção. Portanto, é importante ter seu dentista sempre por perto, que poderá indicar como realizar a limpeza e identificar a possível necessidade de extração antes, se for o seu caso. Você não precisa aprender a conviver com essa dor, procure quem entende do assunto e elimine todas as complicações.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Cláudio de Sá Rêgo Fortes - Cirurgião-dentista
Rio de Janeiro-RJ
CRO-RJ 13115