Ter um sorriso branco se tornou requisito estético para muitas pessoas. Mas nem todo mundo consegue ter dentes naturalmente desta cor. Apresentar um tom amarelado é relativamente normal, mas que pode ser corrigido. Porém, não é mágica! Você precisa colaborar para esse efeito. Como andam seus hábitos diários quanto à alimentação e higiene bucal? Você pode achar que não há relação alguma, mas isso contribui muito na busca por dentes mais brancos. Já pensou nisso? A especialista em Dentística Kalina Diniz lista 3 destas situações.

1- Consumir alimentos que mancham os dentes

Você não passa um dia sem comer chocolate? Muitos alimentos do seu cardápio acabam sendo o motivo do amarelamento dos dentes. Kalina confirma que existem várias causas dessa mudança de cor e uma delas é a alimentação. "Uso excessivo de bebidas e alimentos com corantes como café, chocolate, vinho, molhos, entre outros". Para reverter este cenário, que tal iniciar uma dieta mais balanceada? Você não precisa abolir todos os alimentos, mas pode evitá-los ou adotar técnicas que driblam o manchamento, como o uso de canudo para beber sucos ou refrigerantes. Assim a bebida não entra em contato com os seus dentes.

2- Fumar também deixa os dentes amarelados

Além de ser um mau hábito que afeta diretamente na saúde geral, o tabagismo é também responsável pelo amarelamento dos dentes. "Sabe-se que o cigarro é um dos fatores que mais prejudicam a saúde da boca e não importa a quantidade", alerta a profissional. É claro que outros fatores podem colaborar para este efeito, como a alimentação e o envelhecimento natural da dentina, mas os maus hábitos são os principais responsáveis por desbotar a cor natural do sorriso. Pense melhor antes de aceitar o primeiro cigarro e reflita no momento de fumar o último.

3- Deixar de fazer a higiene bucal

Pode ser apenas uma vez, mas se você deixar de fazer o ritual de saúde bucal diário seus dentes podem ficar amarelos. A preguiça é o principal fator que te impede de fazer uma boa escovação? Pense que seu bem-estar oral e a saúde do organismo estão em jogo. Realizando uma limpeza completa, de aproximadamente dois minutos após todas as refeições, você consegue manter um sorriso saudável e com sua cor natural.

Para além dos nossos hábitos, a profissional destaca outros fatores que podem influenciar nessa tonalidade dentária. Alguns procedimentos odontológicos, quando realizados sem os devidos cuidados, colaboram para isso. "Os tratamentos de canais mal realizados também interferem na coloração dos dentes", diz Kalina. Outros fatores que prejudicam a cor natural dos dentes é a fluorose, que é a ingestão excessiva do flúor, e o uso indiscriminado de produtos branqueadores sem a supervisão de um dentista. A especialista afirma que o clareamento dental pode ser a solução. "Desde que seja feito por um profissional que conheça bem os produtos branqueadores e siga a técnica dos fabricantes em relação a tempo e segurança", finaliza.