Usar o fio dental é uma das tarefas mais importantes durante a higiene bucal. Muita gente acha que pode dar um jeitinho e excluir essa etapa achando que não terá problema e logo pulam para a escovação, principalmente quem usa aparelho ortodôntico com o intuito de agilizar a faxina. Essa atitude não é correta e ainda pode ser prejudicial. O cuidado entre os dentes precisa ser realizado removendo toda a placa bacteriana da região. Quem explica a importância da ferramenta e como usá-la no tratamento ortodôntico é a especialista no assunto Andréia Cotrim.

A higiene ortodôntica com o fio dental

O uso do aparelho gera muitas mudanças no universo bucal, como a redução de ph, aumento no acúmulo de placa e a evolução dos níveis de microorganismos na saliva e no biofilme. Todo esse excesso surge por conta dos acessórios presentes na boca que vão desde os braquetes até os fios que funcionam como casas para hospedar mais placa bacteriana. Para eliminar essa visitante inimiga só utilizando o parceiro do seu sorriso: o fio dental. "A utilização do fio ou fita dental é o método mais amplamente recomendado para a limpeza das superfícies dentárias proximais".

Lustrando o sorriso ortodôntico

Andréia conta que para uma limpeza perfeita dos dentes os pacientes com aparelhos fixos precisam de dedicação, cuidado e disciplina, principalmente na parte de passar o fio. "No espaço interdental, o fio ou fita dental é curvado sobre a superfície de um dos dentes e a limpeza dá-se por meio de pequenos movimentos para cima e para baixo; no sentido gengival, o fio é conduzido até a parte interna do sulco". Depois é só repetir a mesma limpeza nos dentes vizinhos. Lembre-se de usar um novo espaço do fio quando passar para o próximo dente para que a placa retirada não volte ao lugar de onde saiu.

A ortodontista afirma que a escolha do modelo certo deve ser baseada na facilidade de uso e na preferência pessoal. "Todos os fios funcionam igualmente bem, sendo os fatores individuais, como a justaposição do contato dental, a aspereza das superfícies dos dentes e a destreza manual do paciente, determinantes na escolha dos mesmos".

Um ajudinha para a higiene do aparelho

Muita gente reclama que a inserção do fio dental se torna mais difícil pra quem usa aparelho ortodôntico fixo. Conversando com o profissional no assunto é possível descobrir meios bem tranquilos para facilitar todo o processo. "O ortodontista deve orientar o paciente a fazer uso de condutores de fios para facilitar o procedimento ou fazer o uso de fios dentais especiais, cujas pontas são endurecidas, direcionando-os às áreas proximais mais cervicais, de modo simplificado, sem a necessidade de um condutor". O modelo Superfloss tem essas vantagens. Com uma ponta firme que facilita o encaixe do fio entre os dentes e uma rede de fibras esponjosas que remove toda a sujeira do local, a limpeza se torna mais fácil para o paciente.