A limpeza bucal é uma tarefa diária. Segundo as orientações dos dentistas, o cuidado deve ser feito, pelo menos, três vezes ao dia, após as principais refeições. E essa atenção com a higienização deve ser redobrada para paciente com prótese dentária. Para isso a escova de dente, fio e creme dental são indispensáveis. Mas, o enxaguante bucal também pode ajudar na limpeza nesses casos? Para entender melhor sobre o assunto, o Sorrisologia conversou com a dentista Bárbara Emilie Pavan da Cunha.

Qualquer paciente pode usar o enxaguante bucal?

Segundo a profissional, o uso do enxaguante bucal por ser feito por qualquer paciente com indicação e orientação do dentista. “Os pacientes com alergias devem comunicar o cirurgião-dentista para melhor indicação”, ressalta ela. A recomendação para o uso do produto é importante, já que o líquido é capaz de ajudar a solucionar algumas doenças bucais. Bárbara aponta que o enxaguante pode ser usado para quadros de problemas gengivais, pós-cirúrgicos, pacientes com alto índice de cárie e com limitação de higienização.

Como o enxaguante bucal pode ajudar na limpeza da prótese dentária?

Assim como define a odontologista, o enxaguante bucal ajuda no hálito e, dependendo da composição do produto, auxilia na eliminação de algumas bactérias. Para os pacientes com prótese dentária, o líquido também pode ser um significativo apoio, especialmente para a remoção de bactérias presentes. “Mas é preciso tomar cuidado com o tipo de produto, já que se tiver ingredientes corrosivos pode prejudicar o material da prótese”, alerta a especialista. Para completar, a dentista lembra que apenas o uso do enxaguante bucal não garante a higienização ideal. Por isso, não abra mão dos outros itens, como a escova de dente adequada, creme dental e o fio dental.

Para paciente com prótese dentária, o que mais não pode faltar para limpeza?

Após a colocação da prótese dentária, seja removível ou fixa, o paciente recebe orientações do cirurgião-dentista sobre os hábitos que deve seguir. No início, por exemplo, é importante prestar atenção na alimentação, especialmente em relação a comidas mais duras. Por outro lado, alguns cuidados continuam indispensáveis, como a higienização bucal. “É importante uma escovação com escova dura e própria para a limpeza da prótese, creme dental não erosivo ou sabão neutro apenas na prótese”, indica Bárbara.

E ainda, para quem possui próteses fixas, a utilização do fio dental também é indicada. Qualquer dúvida, não deixe de conversar com seu dentista. O profissional vai analisar o seu caso em particular e dar as dicas ideais, com o objetivo de manter sua saúde bucal sempre em dia.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Bárbara Emilie Pavan da Cunha - Cirurgiã-dentista e Odontopediatra
Osasco - SP
CRO-SP 113416