Os avanços da odontologia visam trazer, cada vez mais, opções de tratamento para os pacientes que proporcionem menos tempo nos consultórios, mais conforto e resultados tão bons quanto práticas tradicionais. Alguns deles são bem conhecidos, como o aparelho ortodôntico e o clareamento dental. Mas, você já ouviu falar nos selantes dentários? Esse procedimento pode ser a solução para o seu problema bucal. Entenda o que ele é, sua função e como pode ajudar você. Veja as orientações da dentista Renata Paraguassu sobre os selantes dentários.

Conheça os selantes dentários

De acordo com a profissional, os selantes dentários são materiais fluidos que conseguem escoar pelas fóssulas e fissuras dos dentes. Eles então aderem ao esmalte dentário e, retido química ou mecanicamente, são capazes de proteger essas superfícies contra problemas bucais. Qualquer paciente que esteja dentro das indicações pode ser apto a fazer uso dessa opção. “Não os indicamos quando o controle periódico dos mesmos não for possível”, alerta ela. Renata destacou quais quadros são recomendados para o uso de selantes: “Detecção de atividade de cárie, antiga e atual, presença de dentes parcialmente irrompidos, dificuldade de controlar os fatores que dão origem ao desenvolvimento de lesões cariosas e falta de motivação do paciente com os cuidados bucais”.

Os selantes dentários ajudam na saúde bucal

Ao chegar no consultório e relatar as queixas ao odontologista, você passará por uma avaliação do quadro. Assim, o profissional pode constatar o que está provocando os sintomas e indicar o melhor tratamento para solucionar. Como destacado acima, os selantes dentários são uma possibilidade para resolver alguns casos. “O objetivo é criar uma barreira física na superfície oclusal de molares e pré-molares do meio bucal, preservando a saúde destas superfícies mais expostas”, esclarece a dentista. E então, com a ajuda dos selantes aplicados, o paciente não terá acúmulo de itens cariogênico e proliferação de bactérias nessas áreas.

Saiba sobre os cuidados antes e depois do procedimento

Como é feito e orientado em outros procedimentos, é preciso tomar alguns cuidados antes e após a aplicação dos selantes dentários. “Antes do início da aplicação dos selantes, é importante fazer um condicionamento do paciente sobre a importância dos cuidados com a saúde bucal e verificar o atual nível de atividade de cárie no mesmo”, direciona a profissional. Já após a aplicação do fluido, é necessário retornar ao consultório e manter uma periodicidade das visitas para um controle de no mínimo seis meses, que são fundamentais. “Desta forma, pode-se acompanhar a integridade marginal dos selantes e prevenir problemas”, finaliza.