A adolescência é uma fase em que a construção da imagem e a satisfação com o corpo estão surgindo e se tornando mais evidente. Esse é o momento em que a opinião dos outros faz aquela diferença e nada como receber um elogio para aumentar a autoestima. Além de roupa e cabelo, o sorriso também se torna uma preocupação, especialmente na era das selfies. Será que os dentes estão amarelos demais? É uma pergunta comum entre os jovens. Para modificar esse quadro, o clareamento dental pode ser uma grande ajuda e solução. Para explicar as vantagens do procedimento nessa fase, veja as explicações da dentista Paula Murad.

Adolescentes também podem realizar o clareamento dental

De acordo com a odontologista, o clareamento dental pode ser realizado em pacientes adolescentes após uma criteriosa avaliação clínica. “É muito comum vivenciarmos este desejo por parte dos adolescentes que buscam cada vez mais cedo por um sorriso iluminado”, comenta ela. O uso de aparelho ortodôntico é comum nessa fase e, ao final do tratamento, o paciente logo pergunta se já pode clarear os dentes. Após alinhar o sorriso, nada como ficar com ele mais branco e brilhoso.

“Não é somente a idade que levamos em consideração, mas a maturação dos tecidos dentais”, esclarece Paula. Vale destacar que no caso dos adolescentes, o procedimento é contraindicado para aqueles que não possuem a completa formação das raízes dos dentes. Para conferir, através da radiografia é possível verificar se as raízes estão desenvolvidas e com as ápices fechadas.

Quando é indicado o clareamento dental nessa fase?

Como comenta Paula, o desejo pelo clareamento dental em adolescentes parte deles mesmos ou por conta até dos pais. E então, vão à procura da consulta para conversar com o profissional. “Após o tratamento ortodôntico, o clareamento também se torna uma indicação já que o período em que o aparelho está presente, a higienização se torna mais trabalhosa e os dentes tendem a ficar amarelados”, responde ela.

Assim como explicado acima, somente os pacientes com dentes permanentes, raízes formadas e hábitos de higiene bucal podem fazer o tratamento. “Todos estes critérios são cuidadosamente avaliados numa consulta profissional”, completa. Paula comenta como o desejo por dentes mais brancos tem aumentado nos últimos anos por conta também das redes sociais. A exposição nos stories e selfies a todo momento dão um destaque especial ao sorriso nas telinhas, fazendo com que os adolescentes queiram cada vez mais aparecer bem nas fotos.

Saiba as vantagens do clareamento dental nesse momento

A adolescência é uma fase em que muitas dúvidas e inseguranças podem estar passando pela cabeça do jovem. “Um sorriso iluminado é também sinônimo de saúde e eleva a autoestima nesta fase tão singular da vida que é a adolescência”, diz. Por isso, o tratamento pode ser uma maneira de dar uma ajuda na sua relação com o espelho.

O resultado do procedimento é ainda melhor nesses pacientes, e o processo acontece mais rapidamente do que nos adultos. “A anatomia dos seus dentes é mais suscetível à ação clareadora e o seu escurecimento não foi atingido em camadas mais profundas se restringindo a uma área mais superficial”, esclarece a odontologista. Dessa maneira, o clareamento dental consegue ser feito em um curto período de tempo e com menor uso de produto clareador. Além disso, o tratamento conduzido pelo profissional é uma opção segura, diferente de muitas alternativas de branqueadores genéricos encontrados em sites de fácil acesso pelos jovens, que podem trazer prejuízos irreversíveis à saúde bucal.