Quando seu dente siso começa a nascer você logo pensa "tenho que extrair". Pode ser que sim, pode ser que não. Quando este parceiro bucal está bem posicionado, sem incomodar sua boca, não tem problema em mantê-lo. Agora, quando o paciente começa a sentir dores, ter infecções e perceber o entortamento dos dentes vizinhos, o siso se torna um problema sério. Se nestes casos o dente do juízo não for extraído, uma série de complicações ainda maiores podem surgir. Você não quer correr o risco de passar por isso, né?

Quando a extração é necessária?

O paciente pode até não sentir nenhuma dor, mas se encontrar alguma dificuldade em alcançar o siso durante a escovação, a cirurgia de retirada do dente deve ser considerada. Confira outros motivos listados pelo cirurgião-dentista Leonardo Costa que levam à extração:

- Quando o paciente tem pericoronarite, uma inflamação que recobre todo o dente.

- Quando o siso nasce parcialmente e está inclinado sobre o dente da frente, fazendo pressão.

- Quando o dente está incluso ou impactado dentro do osso, ou seja, não nasceu.

As consequências

Dependendo de como o siso esteja posicionado, problemas maiores podem surgir futuramente. "Surgimento de cáries, doenças gengivais, devido à dificuldade de higienização no local, reabsorção da raiz do dente vizinho e até o desenvolvimento de cistos e tumores", atenta. Esse dente, que mais parece não ter juízo nenhum, também pode alavancar questões ortodônticas. "Devido a falta de espaço para ele nascer acredita-se que ele pode alterar o posicionamento dos dentes vizinhos, fazendo com que fiquem tortos".

Não precisa ter medo da cirurgia

O medo é, sem dúvidas, o principal fator que leva as pessoas a não extraírem o siso. Mas Leonardo tranquiliza os leitores do Sorrisologia. "A partir do momento que o paciente está sob os cuidados de um profissional capacitado ele não terá mais medo, pois o profissional passará confiança". Viu só? Não tem mais motivo de temer esse procedimento. Se seu siso te incomoda, vá ao dentista e acabe com a raiz deste problema.