Nosso organismo funciona em conjunto. Cada órgão cumpre seu próprio papel, mas quando um deixa de trabalhar direito o corpo inteiro sofre com as consequências. Isso acontece com nosso universo bucal. Quando ele não é bem tratado, as bactérias e os fungos naturais da boca podem virar grandes inimigos e transformar a placa bacteriana em cárie. Para ninguém correr esse risco, existem métodos bem simples que são capazes de deter diversas doenças, inclusive a cárie. O Sorrisologia vai mostrar que a saúde começa, sim, pela boca.

Como surge a cárie?

Segundo o periodontista Clébio Ferreira Jr., a cárie é uma doença comportamental e o seu surgimento vai depender da alimentação, dos cuidados com a higiene bucal e da salivação de cada um. “Ao nos alimentarmos, as bactérias presentes em nossa boca consomem o açúcar do alimento e o transforma em ácido. Estes ácidos desmineralizam o dente de forma progressiva, podendo no início aparecer uma mancha branca no dente. Se este processo não for interrompido, a mancha branca pode evoluir para uma cavidade no dente, que seria a cárie propriamente dita". Se este problema não for tratado o quanto antes, pode haver riscos de destruição do dente, infecções e, até mesmo, a perda do dente atingido. Melhor não, né?

Os cuidados começam cedo

“A melhor forma de se prevenir é através da educação em saúde e a criação de hábitos saudáveis. Desde a infância, as crianças devem ser orientadas a terem uma alimentação saudável, consumindo açúcar de forma consciente e a terem uma correta higiene bucal”, garante Clébio.

Maçã tem ação de limpeza nos dentes

Para conseguir um sorriso saudável e longe das cáries, precisamos rever nossos hábitos. E nada melhor do que começar pela alimentação. Clébio indica uma boa dieta. “Alimentos ricos em fibras, hortaliças e frutas, como a maçã devem ser consumidos com freqüência pois têm ação adstringente, ajudando a limpar dentes e gengivas. Já os alimentos industrializados e muito doces como balas, biscoitos, pães, refrigerantes devem ser evitados, ou melhor, consumidos com inteligência”, atenta. É importante ressaltar que a freqüência de consumo destes alimentos nocivos, associado à falta de higienização é que vão determinar o aparecimento da cárie.

Higiene todos os dias, com todas as ferramentas

O grande desafio é remover toda a placa bacteriana da superfície dos dentes. E isso não é nada impossível, seguindo todas as etapas dos cuidados bucais, nada irá deter um sorriso refrescante, nem mesmo as cáries. “Escovação pelo menos três vezes ao dia e o uso diário do fio dental”, afirma o periodontista que também indica a hora mais importante de escovar os dentes. “Considero a higienização bucal antes de dormir a mais importante, pois durante o sono a quantidade de saliva em nossa boca diminui consideravelmente, favorecendo a ação das bactérias sobre os dentes”.

Creme dental = escudo para seu sorriso

O creme dental entra em ação nesse momento, ele funciona como um escudo neutralizando os efeitos nocivos dos açúcares ingeridos no dia a dia, não só prevenindo o surgimento da cárie, como reparando o problema caso ele já tenha se manifestado.

Hidratação contribui para a prevenção das doenças bucais

Beber bastante água é muito importante não só para o nosso corpo, como também para os nossos dentes. Clébio conclui que manter-se hidratado é fundamental para a prevenção de diversas doenças, inclusive a cárie dentária, por garantir a salivação necessária para a proteção do nosso sorriso. “A saliva tem um importante papel no controle da desmineralização dos dentes, pois apresenta em sua composição, além de água, sais minerais e enzimas que protegem os dentes, repondo seus minerais”.