Quem nunca passou pela situação um tanto quanto constrangedora de ter algo sujo entre os dentes? Na maioria das vezes, o objeto mais fácil ao alcance das mãos é o famoso palito, que logo você usa para retirar aquele pedaço de comida que tanto incomoda. Apesar de prático, o item não cumpre o papel de manter seus dentes limpos e vai apenas remediar uma situação temporária. Para completar, ele ainda pode acabar sendo prejudicial ao seus dentes e gengiva. Entenda com o Sorrisologia o porque você deveria abandonar esse hábito o quanto antes.

1. Ele parece limpar, mas não cumpre a tarefa realmente

Casca de feijão ou pedaço de alface, seja qual for o resto de alimento, você logo pensa em usar o palito de dentes para livrar seu sorriso. Porém, ele pode não estar ajudando da maneira como você pensa. Na maioria das vezes, o palito acaba empurrando a sobra ainda mais para dentro ou não alcança o local. A melhor opção é o fio dental para solucionar o problema. O produto consegue encaixar perfeitamente entre os espaços da sua arcada e pode ser usado com facilidade.

2. Você está fazendo isso errado

Podemos destacar como um dos maiores problemas do palito de dentes o fato das pessoas não saberem usá-lo corretamente. É comum enfiar o palito entre o espaço dos dentes e fazer como uma alavanca. Entretanto, esse ato pode provocar problemas muito maiores para sua saúde bucal, como retração óssea, da gengiva ou até movimentar algum dente. Aposto que você não quer passar por nenhum desses problemas.

3. O palito retira a camada protetora do dente

Enquanto você pensa que usando o palito de dentes está mantendo o seu sorriso mais limpo, o que acontece é o contrário. Por ser aplicado uma força acima do necessário no objeto, o palito pode provocar um quadro de abrasão, principalmente se usado recorrentemente. Ou seja, ele consegue retirar a camada protetora dos dentes e contribuir para o aparecimento de cáries e bactérias.

 

4. Sua gengiva pode estar correndo perigo

Acidentes acontecem, não é? Por falta de atenção, por exemplo, você pode acabar machucando sua gengiva com o palito de dentes. Aquela pequena ponta é afiada o suficiente para conseguir perfurar o tecido mole da sua boca. Assim, a ferida pode contribuir para a entrada de bactérias nocivas e resultar em um problema periodontal, como a gengivite.

 

5. Nada substitui o kit de higiene bucal

Apesar de diversas tentativas, não há nada que substitua os itens de higienização bucal. Para deixar sua cavidade bucal realmente limpa, conte com a ajuda do fio dental, ele sim vai fazer um trabalho perfeito de remoção de restos de alimentos daqueles cantinhos que nem mesmo sua escova de dentes alcança. Após seu uso, aí sim a escovação entra para completar a higiene com o uso de um creme dental. Por fim, desde que recomendado pelo seu dentista, finalize com um enxaguante para manter sua boca protegida por mais tempo, além de um hálito super refrescante.