Produto Relacionado:
Antisséptico bucal Pro-Saúde Noite
Antisséptico bucal Pro-Saúde Noite
Compre aqui

Você é aquele tipo de pessoa que adora manter a boca refrescante e faz de tudo para não passar vergonha com o temido mau hálito. Uma das formas de se fazer isso é com ajuda da mastigação. Você já reparou na sua? Pode ser difícil perceber bem na hora da fome, mas a velocidade desse estímulo faz toda diferença para sua saúde bucal. O especialista em halitose Maurício Duarte diz que existem alguns motivos para que a mastigação ajude a manter um bom hálito. O Sorrisologia mostra todos para você.

Por que a mastigação preserva o bom hálito?

Essa parte importante do processo digestivo é essencial não só para a boca, como também para todo o organismo. Mas quando falamos em manter um hálito fresco, o primeiro elemento responsável é a saliva. Mastigar estimula a produção do fluido, que exerce um papel de autolimpeza em todo o ambiente bucal. "O aumento da produção salivar proporciona mais oxigenação à boca, uma vez que 99% da saliva é composta de água". As bactérias que provocam o mau hálito precisam de um ambiente pobre em oxigênio, o que a mastigação impede que aconteça.

Alimentos que ajudam na limpeza

Mas não é só caprichar na mastigação para garantir um cheirinho gostoso na boca. Outro fator que ajuda muito é mascar alimentos fibrosos e crus como a cenoura ou a maçã. "Eles, teoricamente, exercem uma ação de autolimpeza na língua, pois a placa bacteriana que se forma na sua parte posterior, chamada saburra lingual, é a principal causa do mau hálito", explica o dentista. E não esqueça de fazer os movimentos de abre e fecha sem pressa. Maurício ressalta que comer bem devagar afasta o mau hálito. "Tudo isso porque as glândulas salivares são estimuladas por um tempo maior, aumentando a produção de saliva".

O que fazer para manter um hálito refrescante?

Para você não se preocupar com o mau hálito, o especialista dá algumas dicas. Beber pelo menos 2 litros de água e se alimentar a cada 3 horas são algumas. "Evitar alimentos com alto teor de proteína e gordura animal (salame, mortadela, linguiça, etc.), além do alho e cebola crus ou fritos”. É importante lembrar que nenhum desses métodos substituem a boa e velha escovação com uso do fio dental, incluindo a limpeza da língua. Desse jeito, conversar pertinho de quem você gosta vai ficar ainda melhor.